01/06/2010 19h39

Share

Com Cisão da Emurb, surge a SP Urbanismo

Por Paulo Kehdi

Em 8 de dezembro de 2009, o prefeito sancionou a Lei nº 15.056, que autorizou a cisão da Empresa Municipal de Urbanização (Emurb) em duas empresas. Foram criadas então a São Paulo Urbanismo (SP Urbanismo) e a São Paulo Obras (SP Obras). O Decreto nº 51.415, de 16 de abril de 2010, regulamentou esse processo. Foi estabelecido que a São Paulo Obras fica vinculada à Secretaria Municipal de Infraestrutura Urbana e Obras (Siurb) e a SP Urbanismo à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano (SMDU). Com isso, o secretário da SMDU passa a ser o presidente da SP Urbanismo.

A cisão tem como objetivo buscar uma maior eficiência para as duas empresas, com focos distintos na realização dos trabalhos, trazendo uma maior efetividade em sua atuação. A SP Obras cuidará da execução dos projetos e obras. Já a SP Urbanismo ficará com a missão de elaboração de projetos urbanos, em consonância com as principais características da SMDU. Esta secretaria coordena o desenvolvimento de projetos urbanos, promovendo a integração desses com os planos nacionais, regionais, estaduais e metropolitanos, além de desenvolver os mecanismos e modelos mais adequados para a viabilização e implementação de projetos de desenvolvimento urbano, maximizando os resultados positivos para a cidade.

Dessa forma, a SP Urbanismo passa a ter um papel primordial dentro da estrutura da SMDU e, consequentemente, no apoio às políticas urbanas do município. No último dia 27, o secretário da SMDU e presidente da empresa realizou uma reunião com os funcionários, onde deu boas vindas a todos e expressou suas expectativas com a nova missão. “Quero dividir com vocês meu entusiasmo, dentro dessa possibilidade que surge para juntos ajudarmos a solucionar os problemas de São Paulo. Essa união vem ao encontro com a visão do prefeito, da importância do planejamento urbano integrado. Com a elaboração de projetos de qualidade, podemos mudar o atual cenário da cidade, trazendo qualidade ambiental, mais empregos, mais moradias. Temos também que acabar com esse movimento perverso de deslocamentos, aproximando moradia e emprego. Juntos, vamos trabalhar em prol da cidade”, afirmou o secretário.

A SP Urbanismo é uma empresa pública, organizada na forma de sociedade simples. Sua estrutura incorpora três diretorias: Desenvolvimento e Gestão, Paisagem Urbana, Participação e Representação dos Empregados. A primeira engloba a Gerência de Intervenções Urbanas, Gerência de Operações Urbanas e a Gerência de Desenvolvimento, além de cuidar de aspectos administrativos, financeiros e de recursos humanos. Já a diretoria de Paisagem Urbana cuida da análise, pesquisa, planejamento e desenho da paisagem da cidade. A terceira diretoria funciona como um elo entre o corpo diretivo e o corpo funcional da SP Urbanismo.