Perguntas frequentes

01) Preciso me inscrever na biblioteca para frequentá-la?

Não, a Biblioteca é de livre acesso (os setores de Obras Raras, Mapoteca, Multimeios e Hemeroteca, atendem mediante agendamento). A inscrição é necessária somente para o empréstimo de material.

02) Como faço para emprestar livros na biblioteca circulante? Preciso de carteirinha?
 
Se você já tiver inscrição e carteirinha de alguma biblioteca do Sistema Municipal de Bibliotecas e se ainda estiver dentro do prazo de validade, você poderá utilizá-la na Seção Circulante. Se não possuir, basta trazer um documento oficial com foto e um comprovante de endereço recente (dos últimos 3 meses) em nome do interessado, dos pais ou do cônjuge, da região metropolitana de São Paulo. Essa carteirinha pode ser utilizada em qualquer biblioteca do Sistema Municipal pelo período de um ano e a renovação é feita com os mesmos documentos do cadastro inicial.
 
03) Qual a validade da inscrição na biblioteca circulante? E como faço para renovar meu cadastro?

de 01 (um) ano a partir da data de cadastramento. A renovação é efetuada mediante apresentação de comprovante de residência atual e documento oficial com foto.

04) Posso me inscrever nesta biblioteca mesmo morando em outro bairro?

Sim, a carteirinha feita em uma biblioteca municipal é válida para empréstimos em todo Sistema Municipal de Bibliotecas e contempla usuários que residam em São Paulo e região.

05) O que faço se perder a carteirinha da biblioteca (papel)?

Você deve informar a biblioteca onde foi feita a inscrição o mais rapidamente possível, e apresentar um documento oficial com foto, para que não haja uso indevido de seu cartão e para que seja providenciada uma segunda via.
 
06) Quantos itens da Biblioteca Circulante posso retirar por vez e quantos dias posso ficar com eles? E as renovações?
 
O usuário individual pode retirar no máximo 4 (quatro) itens com um prazo de empréstimo de 14 (catorze) dias, podendo ser renovado por 1 (uma) vez.  O pesquisador/professor pode retirar no máximo 4 (quatro) itens com um prazo de empréstimo de 21 (vinte e um) dias, podendo ser renovado por 1 (uma) vez.  As pessoas com deficiência podem retirar no máximo 4 (quatro) itens com um prazo de empréstimo de 28 (vinte e oito) dias, podendo ser renovado por 1 (uma) vez.  As instituições podem retirar no máximo 4 (quatro) itens com um prazo de empréstimo de 21 (vinte e um) dias, podendo ser renovado por 1 (uma) vez.


A renovação dos empréstimos poderá ser feita pelo site, pessoalmente, por telefone ou e-mail com 1 ou 2 dias de antecedência.
 
Para acessar o passo a passo de renovação pelo site, clique aqui 

Por telefone, através dos números 3775-0004 ou 0006, informe o número de matrícula e os títulos dos itens que deseja renovar.

Por e-mail, enviar mensagem para circbma@prefeitura.sp.gov.br com número de matrícula e o os títulos dos itens que deseja renovar

07) Posso fazer reserva de algum item emprestado?

Sim, você pode reservar o material, caso esteja emprestado no momento da solicitação. A reserva poderá ser feita pessoalmente, por email (circbma@prefeitura.sp.gov.br), ou por telefone (11) 3775-0004/0006, informando o título da obra e seu número de matrícula. O atendimento à reserva obedece a ordem cronológica dos pedidos e o prazo para retirada é de três dias úteis. A Biblioteca entrará em contato com o usuário sempre que possível, por telefone fixo e/ou e-mail, para informar sobre a disponibilidade do título reservado. A reserva só contempla materiais emprestados, de modo que não realizamos reserva para itens disponíveis.

 
08) O que acontece no caso de atraso na devolução?

Procure não atrasar a entrega da obra, pois prejudicará outros leitores. Caso ocorra, o usuário ficará suspenso pelo período que atrasou os materiais. Como o cadastro é único para todo o Sistema Municipal de Bibliotecas, a penalidade se extende às outras bibliotecas da rede.

09) E se eu perder ou danificar algum material emprestado da Seção Circulante?

Caso ocorra alguma dessas situações, você terá de providenciar a reposição da obra por um exemplar idêntico, conforme consta no regulamento, no item 9. Enquanto a obra não for reposta, você não poderá retirar material nas bibliotecas do Sistema. Para reposição de livros danificados, o exemplar precisa ser de uma edição idêntica ou mais recente do livro a ser reposto, em situações de livro esgotado, a coordenação indicará outro título.

10) Posso usar notebook?

Sim, e é permitido o uso das tomadas, desde que não utilize multiplicadores e filtros de linha, porém a biblioteca não se responsabiliza por possíveis danos, sendo de responsabilidade do usuário o cuidado com seus pertences e objetos pessoais.

11) Posso usar o computador da Biblioteca para imprimir arquivos do meu pendrive e digitar meus trabalhos?
 
Não, os computadores são configurados somente para acesso ao Catálogo Eletrônico das bibliotecas públicas do Município e para assistir aos DVDs da Biblioteca.  
Ainda na região central, há um telecentro na Biblioteca Monteiro Lobato, saiba mais, clicando aqui
 
12) Posso entrar com alimentos e bebidas na biblioteca?

Não é permitido comer ou beber nas salas que contêm acervo, com exceção de garrafas de água que, por questões de preservação da coleção, devem ser mantidas no chão.
 
13) Posso usar telefone celular nas bibliotecas?

Desligue o som do seu celular ao entrar na biblioteca. Se for necessário utilizá-lo, dirija-se a um local que não atrapalhe os demais usuários. Dentro dos acervos, o uso de celular não é permitido.

14) Posso fotografar ou filmar nas dependências das bibliotecas?

Fotografias e filmagens para fins comerciais devem ter autorização da Ação Cultural: acaocultural@prefeitura.sp.gov.br
 
Para fins acadêmicos, é necessário apresentar uma carta da instituição ou do professor.
 
Para fins pessoais é possível fotografar, desde que seja sem flash e não apareça os usuários.
 
 
15) É possível fazer visita monitorada na Biblioteca?

Sim. É necessário agendar através do preenchimento deste formulário
Para maiores informações, clique aqui
 
16) Com o que não posso entrar biblioteca? 

Não é permitido entrar na biblioteca com qualquer tipo de alimento, pastas, fichários, sacolas, mochilas, ou bolsas. Máquinas fotográficas, filmadoras, escâneres e outros aparelhos captadores de imagem só são permitidos mediante autorização da Coordenação da Coleção. 

17) Há armários (guarda-volumes) para o público deixar seus materiais? 

Sim, há guarda-volumes, mas só é permitido usá-los enquanto você estiver na Biblioteca e é de sua inteira responsabilidade a conservação da chave do armário. Sendo assim, a Biblioteca Mário de Andrade e seus funcionários não se responsabilizam por eventuais perdas e roubos de objetos que estejam no guarda-volumes em virtude de extravio.

18) Onde posso ter informações sobre as bibliotecas públicas da cidade?

No site do Sistema Municipal de Bibliotecas (www.bibliotecas.sp.gov.br), há informações sobre as bibliotecas públicas da cidade, inclusive sobre a Mário de Andrade. Além do site, permanentemente atualizado, é possível escrever para o e-mail atendimentobma@prefeitura.sp.gov.br para eximir eventuais dúvidas.
 
19) A Biblioteca tem rede wireless (Internet sem fio)?

O acesso à internet sem fio dentro da Biblioteca Mário de Andrade é disponibilizado através da rede Wifi Livre SP e não requer senha.


20) Onde registro os direitos autorais de meu livro, poesia ou música?

Em São Paulo, há o Posto Estadual do Escritório de Direitos Autorais da Fundação Biblioteca Nacional. Endereço: Rua General Julio Marcondes Salgado, 234 - Campos Elíseos - São Paulo, CEP: 01201-020 e o horário de atendimento é das 10h às 16h. Tel: (11) 3825-5249.

21) Como faço para trabalhar na Biblioteca?

A Biblioteca Mário de Andrade (BMA) oferece vagas por meio de concursos públicos, divulgados no Diário Oficial, ou para estágio.
Para estagiar na BMA é necessário se cadastrar no site do CIEE - Centro de Integração Empresa-Escola. Uma vez cadastrado, o estudante deve manifestar seu interesse pelas vagas da Prefeitura Municipal de São Paulo, pois a Biblioteca Mário de Andrade é um Departamento da Secretaria Municipal de Cultura. O CIEE faz a indicação para a biblioteca, baseando-se no perfil do estudante e no perfil da vaga de estágio disponível, mas a Biblioteca também pode fazer a indicação, após uma avaliação do currículo e entrevista. Se aprovado, o candidato é encaminhado ao CIEE para fazer a prova de conhecimentos gerais e dar início ao processo de contratação. 

22) Posso propor ou apresentar algum projeto cultural para a programação da Biblioteca Mário de Andrade?

Sim. A Supervisão de Ação Cultural recebe propostas de projetos culturais para complementar a programação da Biblioteca Mário de Andrade. O formulário  de projetos deve ser solicitado pelo email: acaocultural@prefeitura.sp.gov.br.
A comissão de programação avaliará a proposta e caso haja interesse por parte da Biblioteca, o proponente será contatado pela equipe de Ação Cultural, por e-mail ou telefone.

23) Como posso acessar a programação cultural da Biblioteca Mário de Andrade?

A programação cultural da Biblioteca Mário de Andrade é publicada mensalmente em seus canais institucionais:

 
 
 
 

Revista Em Cartaz
Distribuída nos equipamentos culturais mantidos pela Secretaria Municipal de Cultura Agenda imprensa: distribuída gratuitamente na Biblioteca Mário de Andrade e instituições culturais.