Atendimento ao profissional com deficiência ou mobilidade reduzida

O Centro de Apoio ao Trabalho e Empreendedorismo (CATe) também faz a intermediação de mão de obra para profissionais com deficiência ou mobilidade reduzida. O atendimento pode ser realizado em todas as unidades fixas da capital, de segunda a sexta, das 8h às 17h. Interessados devem apresentar RG, CPF, carteira de trabalho e o número do PIS. 

Os profissionais ainda têm a opção de enviar o currículo atualizado por e-mail eficientes@prefeitura.sp.gov.br. 

Intermediação de Mão de Obra (IMO)
Durante o atendimento, caso exista uma vaga de emprego compatível com o perfil profissional do trabalhador, este receberá uma carta de encaminhamento para participar de processos seletivos.

Documentos necessários para a habilitação do seguro desemprego:
• Requerimento do seguro-desemprego SD/CD (02 vias web)
• RG, CPF, carteira de trabalho
• Termo de Rescisão de Trabalho (TRCT)
• Termo de Quitação (TQRCT) - quando o trabalhador tem menos de um ano na empresa
• Termo de Homologação (THRCT) - quando o trabalhador tem um ano completo ou mais dentro da empresa
• Extrato do FGTS (Fundo de Garantia)

Oficinas de Orientação ao Trabalho
Todas as quartas-feiras, das 9h às 10h, algumas unidades do CATe oferecem as Oficinas de Orientação ao Trabalho. A ação tem o objetivo melhorar o perfil pessoal e profissional dos trabalhadores.

Emissão da carteira de trabalho
A carteira de trabalho é emitida para todos os solicitantes com idade igual ou superior a 14 anos. Além dos documentos e foto, o munícipe deve apresentar o boletim de ocorrência policial (BO), ou declaração de próprio punho, 'sob as penas da lei', quando tratar-se de extravio, furto, roubo ou perda.
A 2ª via é emitida somente em caso de extravio, furto, roubo, perda, continuação ou danificação, entendendo-se por danificação a falta de fotografia, rasura, ausência ou substituição de foto, ausência de página ou qualquer situação que impossibilite a utilização normal da CTPS.

Documentos necessários para utilizar os serviços
RG, CPF, carteira de trabalho e PIS/PASEP/NIS/NIT. Caso o trabalhador não possua PIS, o número deste documento será gerado no primeiro atendimento.

Idade mínima para se cadastrar
Serão feitos cadastros para pessoas a partir de 14 anos de idade, inclusive a emissão de CTPS. 

Encaminhamento do trabalhador à uma vaga de emprego
Após ter feito o cadastro, os profissionais dos Centros de Intermediação de Mão de Obra introduzem as informações fornecidas pelo trabalhador no Portal MTE Mais Emprego, onde é feito o cruzamento dos dados dos candidatos com as vagas disponíveis no banco de dados, o que permite, de forma ágil, prática e segura, identificar e localizar as vagas de emprego mais adequadas ao perfil do candidato.

Seleção de candidatos
A seleção é realizada nos CATes por uma equipe de psicólogos e selecionadores experientes, preparados para aplicar processos seletivos adequados aos critérios exigidos para o preenchimento das vagas.

Convocação
O trabalhador cadastrado no CATe poderá receber ligações de nossa equipe convocando-o para participar de processo seletivo ou para inscrições de cursos de capacitação.