Histoplasmose

 

 

Histoplasma capsulatum


O que é?

Infecção causada pelo fungo Histoplasma capsulatum. Acomete o homem e outros mamíferos.

 

Transmissão

É adquirida por inalação dos conídios, podendo ficar restrita ao pulmão ou tornar-se sistêmica. A gravidade da doença depende da carga de conídios inalada. O fungo se desenvolve principalmente em fezes de morcego acumuladas em locais escuros e úmidos como sótãos e cavernas.

 

Diagnóstico Laboratorial

  • Isolamento em meio de cultura
  • Inoculação em camundongo.

Resultado: 30 a 45 dias.
 

Envio Correto de Material

  • Material
    • Fezes de morcego e pombo;
    • Biópsia;
    • Secreções pulmonares.
       
  • Conservação/Transporte
    • Fezes: Frascos plásticos limpos com tampa;
    • Biópsia: resfriada, em recipiente apropriado e imersa em solução salina estéril;
    • Secreções Pulmonares: refrigerado em recipiente estéril.

 

Prevenção

  • Não permitir a domiciliação de pombos e morcegos nas residências;
  • No caso de problemas com morcegos, vedar frestas e espaços que conduzam ao telhado, porão, sótão ou outro local em que eles estejam. Caso existam morcegos no local, quando estes animais saírem para se alimentar ao entardecer, fazer a vedação. Retirar a vedação ao anoitecer. Repetir o procedimento três vezes de forma a se certificar que nenhum animal restou no local.
  • No caso de problemas com pombos, elimine toda possível fonte de alimento. Coloque barreiras físicas em locais que eles costumeiramente empoleiram, tais como beirais, sacadas, entre outros;
  • Caso haja acúmulo de fezes de morcegos ou pombos, umedecer as fezes antes de limpá-las para evitar a formação de poeira contaminada com o fungo que possa ser inalada. Utilize uma máscara facial do tipo cirúrgica (descartável); caso não seja possível, amarre um lenço úmido duplo cobrindo a face (nariz e boca);
  • Não adentre cavernas desconhecidas ou que não estejam liberadas para visitação e locais com acúmulos de fezes de morcegos, pombos e outros pássaros.

 

Veja também :