Diálogos Sociais

Diálogos sociais são mecanismos informais e não institucionalizados de interação entre o poder público, os movimentos sociais, as organizações da sociedade civil e demais cidadãos interessados.

Além das instâncias e instrumentos formais, os órgãos e entidades da Prefeitura podem promover outros formatos de encontros que tornem possível a colaboração, a troca de experiências e incidência do cidadãos nas políticas públicas.

A Secretaria Municipal da Pessoa com Deficiência realiza as seguintes ações: 

Grupos de Trabalho

Criados pela Secretaria Municipal da Pessoa com Deficiência - SMPED, com o objetivo de representar as demandas dos munícipes e instituições que atuam em prol da inclusão, o GT possibilita espaços de articulação entre as pastas municipais como forma de facilitar o acesso do munícipe aos serviços públicos e criar políticas públicas.

A SMPED tem proposto uma agenda com o Prefeito Bruno Covas e secretários municipais para transmitir as demandas desses grupos em prol da acessibilidade e autonomia da pessoa com deficiência no município de São Paulo. Após os encontros, são realizados encontros individuais com as pastas respectivas.

Foram realizadas as reuniões com os representantes de:

  • TEA (Transtorno do Espectro Autista) em 2/4/19.
  • Doenças Raras em 4/5/19.
  • Deficiência visual e Surdocegueira em 1/7/19.

Próximas serão:

  • Pessoas com Nanismo
  • Paralisia Cerebral
  • Deficiências intelectuais

Seminários Interativos

A SMPED realiza seminários de meio período com o objetivo de conscientizar e aprofundar as temáticas emergentes da pessoa com deficiência no município, promovendo diálogos e capacitações junto ao poder público e privado. Exemplos deles são:

  • Seminário sobre Paralisia Cerebral: prevenção, reabilitação e inclusão! – 22/10/18
  • Esporte Inclusivo: 3/12/18
  • Workshop de Sensibilização sobre Surdez e Acessibilidade à Saúde: 30/4/19

Rodas de Conversas
Com o objetivo de promover trocas e escuta com acesso direto ao munícipe, a SMPED promoveu uma série de rodas de conversas durante a Reatech Brasil, que aconteceu de 13 a 13 de junho. As rodas geraram uma série de demandas que estão sendo trabalhadas de forma integrada às demais propostas da SMPED.

Temáticas trabalhadas:

  • Inclusão da pessoa com deficiência no esporte e lazer.
  • Acesso à CIL- Central de Intermediação em LIBRAS - para comunidade surda
  • Cenário das Doenças Raras no Brasil
  • Inclusiva e acessibilidade comunicacional
  • Acessibilidade, arte e mobilidade urbana.
  • Moda Inclusiva na prática: apoiando iniciativas.
  • Empregabilidade da Pessoa com Deficiência (estágio e emprego formal).
  • Conhecendo a surdocegueira: formas de comunicação, acessibilidade e tecnologia assistiva.
  • Pessoas com Nanismo: autoestima e preconceito.

Interlocução com empresas

A SMPED apoia e participa de eventos a fim de ampliar a conscientização sobre a importância da inclusão de forma transversal ao setor privado, podendo ser através de workshops, palestras e falas de impacto.