ACESSIBILIDADE - DEFICIÊNCIA MOTORA

Acessibilidade para pessoas com deficiência motora nas Bibliotecas Públicas

As bibliotecas da CSMB vêm sendo reformadas ao longo dos anos para que possam se tornar acessíveis para pessoas com deficiência motora. Conforme disponibilidade orçamentária, o Grupo Técnico de Obras da SMC realiza a obra necessária.

Mais de 57% das bibliotecas têm acessibilidade arquitetônica para cadeirantes no que diz respeito a banheiros adaptados e rampas de acesso ou plataforma, quando necessário. As demais estão em diferentes níveis de execução.

grafico da situação em março de 2017


Arquitetônicamente acessível

desde 2016
Biblioteca Rubens Borba de Moraes

desde 2015
Biblioteca Camila Cerqueira César e Biblioteca Vinicius de Morais

desde 2013
Biblioteca Ricardo Ramos

desde 2012
Biblioteca Affonso Taunay, Biblioteca Paulo Sérgio Milliet, Biblioteca Pedro Nava, Biblioteca Prefeito Prestes Maia, Biblioteca Roberto Santos, Biblioteca Sérgio Buarque de Holanda e Biblioteca Vicente Paulo Guimarães

desde 2011
Biblioteca José Mauro Vasconcelos

desde 2010
Biblioteca Paulo Setúbal

desde 2009
Biblioteca Afonso Schmidt (parcial), Biblioteca Álvaro Guerra e Biblioteca Érico Veríssimo

desde 2008
Biblioteca Alceu Amoroso Lima, Biblioteca Aureliano Leite, Biblioteca Clarice Lispector, Biblioteca Cora Coralina, Biblioteca Milton Santos, Biblioteca Infantojuvenil Monteiro Lobato, Biblioteca Lenyra Fraccaroli, Biblioteca Malba Tahan e Biblioteca Padre José de Anchieta

desde 2007
Biblioteca Gilberto Freyre, Biblioteca Cassiano Ricardo (parcial), Biblioteca Hans Christian Andersen, Biblioteca Helena Silveira, Biblioteca Jamil Almansur Haddad e Biblioteca Mário Schenberg

desde 2004
Biblioteca Anne Frank


Veja o Diagnóstico das Condições de Acessibilidade nas Bibliotecas da CSMB em 2017.