Logo - Cultura

ACESSIBILIDADE - DEFICIÊNCIA VISUAL

Acessibilidade para pessoas com deficiência visual nas Bibliotecas Públicas

Acervo
Todas as Bibliotecas Públicas possuem acervo de livros falados e audiolivros para atender pessoas com deficiência visual e seis bibliotecas têm também acervo braille para atender este público.

Por meio de convênio com a Fundação Dorina Norwill, a Secretaria Municipal de Cultura recebe anualmente publicações em braille e livros falados, os quais são distribuídos entre o Centro Cultural São Paulo e seis bibliotecas da Coordenadoria do Sistema Municipal de Bibliotecas que possuem Núcleo para Pessoas com Deficiência Visual. Este acervo é disponibilizado para consulta e empréstimo.

Para busca de títulos no Catálogo Online do Sistema de Bibliotecas, selecione Pesquisa Palavra e na opção Pesquisar por clique em Assunto e digite livros para cegos para recuperar livros em braille ou digite audiolivros, livros falados para estas modalidades. Consulte também as bibliotecas para outros títulos.

O Livro Falado é uma tecnologia assistiva, cujo objetivo é o acesso à informação com o mínimo de interferência de interpretação de terceiros e o Audiolivro é um desdobramento artístico de uma obra literária, não significando que uma pessoa cega não possa utilizar este último, caso deseje. Definição do site Bengala Legal.


Tecnologia assistiva - scanners e lupas

A Secretaria da Pessoa com Deficiência e Mobilidade Reduzida doou scanners acessíveis para treze bibliotecas públicas. Estes equipamentos, que reproduzem em áudio o texto escrito, tornam acessível quase todo o acervo das bibliotecas. Desta forma, a pessoa com deficiência visual pode consultar não apenas os livros em braille, mas também livros e revistas impressos e demais itens disponíveis. Os funcionários das bibliotecas receberam treinamento para utilização do equipamento. Por meio de um computador, um scanner e um fone de ouvidos, a pessoa cega ou com baixa visão pode, de maneira autônoma e independente, digitalizar e ouvir o livro, por meio de voz sintetizada. Pode também gravar o resultado da leitura e levar para casa.

A instalação de scanners acessíveis é uma das ações previstas no Plano Municipal São Paulo Mais Inclusiva, voltado para promover a equiparação de oportunidades no acesso à informação, à mobilidade e à participação de todas as pessoas na vida da cidade.


As bibliotecas diretamente ligadas à Coordenadoria que receberam estes scanners são: Biblioteca Infantojuvenil Monteiro Lobato e as Bibliotecas Álvares de Azevedo, Brito Broca, Prefeito Prestes Maia, Viriato Corrêa, Sergio Buarque de Holanda, Paulo Setúbal, Vicente Paulo Guimarães, Affonso Taunay, Mário Schenberg e Alceu Amoroso Lima.

As Bibliotecas Mário Schenberg, Paulo Setúbal e Vicente Paulo Guimarães possuem lupa eletrônica para pessoas com baixa visão, que necessitam de grandes ampliações de texto e imagem.


Piso tátil
As Bibliotecas Camila Cerqueira César, Cora CoralinaPedro Nava, Sergio Buarque de Holanda, Rubens Borba Alves de Moraes e Vinicius de Morais possuem piso tátil para pessoas com deficiência visual, da calçada na entrada da biblioteca até o balcão de atendimento, o que facilita o acesso. Os funcionários estão aptos a auxiliar essas pessoas a se locomoverem nos espaços internos da biblioteca e a atendê-los da melhor forma.


Bibliotecas de CSMB com Núcleo para Pessoas com Deficiência Visual
A distribuição das bibliotecas procura atender pessoas com deficiência visual com a maior abrangência possível, contemplando todas as regiões da cidade.

Biblioteca Álvares de Azevedo
Praça Joaquim José da Nova, s/nº - Vila Maria - Região norte
Fone: 11 2954-2813

Biblioteca Brito Broca
Av. Mutinga, 1425 - Pirituba - Região norte
Tel.: 11 3904-2476 e 11 3904-1444

Biblioteca Mário Schenberg
Rua Catão, 611 - Vila Romana - Região oeste
Fone: 11 3672-0456 
Possui lupa eletrônica para ampliação de texto e imagem

Biblioteca Paulo Setúbal
Av. Renata, 163 - Vila Formosa - Região leste
Fone: 11 2211-1507 e 2211-1508
Possui lupa eletrônica para ampliação de texto e imagem

Biblioteca Prefeito Prestes Maia
Av. João Dias, 822 - Santo Amaro - Região sul
Fone: 11 5687-0513

Biblioteca Vicente Paulo Guimarães
Rua Jaguar, 225 - Vila Curuçá - região leste
Fone: 11 2035-5322
Possui lupa eletrônica para ampliação de texto e imagem



Biblioteca Louis Braille - Centro Cultural São Paulo
Planejada e equipada para atender pessoas com deficiência visual, reúne em seu acervo livros didáticos, técnicos, literários, infantojuvenis e também periódicos. Sua coleção, a maior do gênero no país, conta com mais de seis mil obras. A Biblioteca também atua como editora, produzindo livros em braille e livros falados.

Os usuários contam com acompanhamento de bibliotecários, auxílio à pesquisa e atividades culturais, desenvolvidas periodicamente, como exposições e palestras. A Biblioteca Louis Braille possui computadores adaptados para que as pessoas com deficiência visual tenham acesso à internet. Todo o acervo está disponível para empréstimo dos usuários, inclusive dos residentes em outros estados, que podem ser atendidos pelo serviço de remessa postal.
Para mais informações acesse o site da Biblioteca Louis Braille
Rua Vergueiro, 1000 (Estação Vergueiro do Metrô) - Região central
Fone: 11 3383-3488 
E-mail: bibliotecabraille@prefeitura.sp.gov.br
Horário: de 3ª a 6ª feira das 10h às 19h, sábado das 10h às 18h. A entrada é permitida até 30 minutos antes do fechamento.

----

Veja o Diagnóstico das Condições de Acessibilidade nas Bibliotecas da CSMB em 2017.