Rede Cozinha Cidadã-Comunidades

Para auxiliar as famílias socialmente mais vulneráveis da cidade, a Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania estendeu a distribuição de marmitas para as comunidades mais pobres, com a criação, em 30 de março, do Rede Cozinha Cidadã-Comunidades.

O objetivo é atender mais de 35 comunidades da cidade e também movimentar a economia nesses locais, uma vez que a prioridade é a contratação de restaurantes localizados nas próprias comunidades.

Cada restaurante recebe R$ 10 por refeição.

Clique aqui para mais informações e orientações.

Acesse publicações para ler os editais.