Share

Operação Urbana Centro

Projeto abrange Centro Velho, Novo e regiões históricas

A Operação Urbana Centro (Lei 12.349 de 6 de junho de 1997) abrange as regiões do chamados Centro Velho e Centro Novo, e parte de bairros históricos como Glicério, Brás, Bexiga, Vila Buarque e Santa Ifigênia, englobando área de aproximadamente 663 hectares. A Operação visa a requalificação urbana buscando estimular investimentos nessas áreas específicas, que está consolidada desde meados do século XX e possui a maior densidade construtiva da cidade.

Mediante contrapartida financeira essa operação estabelece incentivos à produção de novas edificações, à regularização de imóveis, à reconstrução e reforma das existentes para sua adequação a novos usos, e também cria condições especiais para a transferência de potencial construtivo de imóveis de interesse histórico. Sem pretender priorizar a arrecadação de recursos financeiros, a Operação Urbana Centro inova na criação de estímulos e benefícios para atrair os investidores na construção de habitações, hotéis e de edifícios garagem, bem como os destinados à cultura, à educação e ao lazer.

Conforme previsto em todas as Operações Urbanas, os recursos delas advindos devem ser obrigatoriamente aplicados na própria região de cada Operação Urbana. Com recursos da Operação Urbana foi viabilizado o projeto referente à Reurbanização do Parque Dom Pedro II e entorno, além da remodelação da Praça do Patriarca, por exemplo.

Veja mais:

Legislação

Perímetro da Operação Urbana

Cartilha da Área Central

Resumo Financeiro

Intervenções no Perímetro da Operação Urbana

Propostas de Participação na Operação Urbana

 

Comissão Executiva

Regimento Interno

Composição

Reuniões

Calendário

 

Voltar