Diálogos Sociais

Diálogo com a população são diretrizes da atual administração de São Paulo

Os diálogos sociais são espaços de mediação social não institucionalizados que possibilitam o consenso entre a Prefeitura Municipal de São Paulo (PMSP), os movimentos sociais, as organizações da sociedade civil e demais cidadãos interessados, nos quais a comunicação permite aos indivíduos realizarem a co-criação de soluções concretas para as demandas apresentadas.
Além das instâncias e instrumentos formais, os órgãos e entidades da Prefeitura Municipal de São Paulo podem promover outros formatos de encontros que tornem possível a colaboração, a troca
de experiências e incidência dos cidadãos nas políticas públicas.

 

2017 - Abril

Dia 10 -

Visita do Prefeito Regional a Comundade da Favela de Vila Prudente - ouvir as demandas dos moradores referente ao local.

Dia 18 -

Atendimento a municipes da comunidade Barbara de Sevilha, afim de tratar assuntos sobre  demandas solicitadas.

Atendimento a municipes da Praça do Samba - sobre evento cultural a ser realizado no local.

Dia 24 -

Atendimento as famílias atingidas pela enchente dos dias 06 e 07 de abril, das seguintes comunidades:

. Comunidade Favela Vila Prudente;

. Comunidade Favela do Mangue;

. Comunidade Coral (Barbeiro de Sevilha) e

. Comunidade São Nicolau.

Dia 28 -

09:00 h – Comunidade Coral (Ruas Lucas de Camargo, 86 e Fruta de Guariba, 586) – situação das moradias lindeiras aos córregos águas azuis e águas vermelhas, afluentes do Córrego do Oratório (DEFESA CIVIL convocada).

10:00 h – EMEI Vila Ema – orientação às calçadas, podas de árvores, iluminação, semáforo no cruzamento Ruas Uhland x Águas de Lindóias e Ruas Uhland x Robério Dias, Jardim Redenção/Vila Ema.

11:00 h – UBS Vila Ema (em construção) – situação da obra (Coordenadoria Regional de Saúde Sudeste convocada).