Conscientização no descarte de lixo

Leve ao Ecoponto entulho, móveis velhos e objetos de grande porte

Se o munícipe quiser descartar algum item inservível, mas sua rua está fora de uma passagem da operação Cata-Bagulho, nos próximos dias, uma opção correta é levar o material a um dos Ecopontos distribuídos pela cidade. O volume aceito deve ter, no máximo, um metro cúbico de entulho (volume equivalente a uma caixa d’água de mil litros).

Ecoponto é um de entrega gratuita de materiais que não servem mais, como entulho da construção civil e objetos volumosos. É uma solução para acabar com o despejo em vias públicas, rios e terrenos baldios. O descarte irregular gera problemas de enchentes, proliferação de insetos, espalha doenças e obriga o poder público a gastar muito mais na limpeza. No Ecoponto é possível descartar todos os restos de construção civil, desde cimento, entulho e tijolo, sobras de azulejos e madeiras, móveis velhos, sobras de podas de árvores e outros materiais volumosos.

Funciona de segunda a sábado, das 6h às 22h, e, aos domingos e feriados, das 6h às 18h. O entulho recolhido é depois encaminhado aos aterros apropriados. Materiais recicláveis, como papel, metal e plástico são encaminhados às Centrais de Triagem do Programa de Coleta Seletiva Solidária. O que não tem possibilidade de reaproveitamento é levado para os aterros sanitários.

Na área da Subprefeitura São Mateus, há quatro pontos de descarte. Veja onde estão localizados:

  • Jardim Rodolfo Pirani – Ecoponto Cipoaba – Rua Padre Luis de Siqueira esquina com Avenida Rodolfo Pirani
  • Jardim São Francisco – Ecoponto Lima Bonfante – Rua Capitão Mor Lázaro da Costa, 251
  • Jardim São Cristóvão – Ecoponto São Mateus – Rua Montalvânia, 195
  • Parque Boa Esperança – Ecoponto Iguatemi – Rua Francisco de Melo Palheta, esquina com a Rua Morro do Frade

Quem gera muito entulho deve contratar uma empresa especializada em serviços de coleta e transporte de entulho, em caçambas. Verifique se ela mantém cadastro em AMLURB - Autoridade Municipal de Limpeza Urbana – e exija uma via do Controle de Transporte de Resíduos (CTR). Garanta que seu entulho vá para um local adequado, e não para um aterro clandestino.

Lixo industrial ou hospitalar nunca deve ser levado ao Ecoponto, pois representa perigo. A responsabilidade pelo transporte e pela destinação do resíduo industrial é de quem o produz. A Prefeitura coleta os resíduos dos serviços de saúde de pequenos, de grandes hospitais e laboratórios, que obrigatoriamente devem ser cadastrados na AMLURB, conforme a lei.

Entulho jogado na rua.

Se esta sujeira mostrada na foto tivesse sido descartada em um Ecoponto, além de evitar a proliferação de insetos e animais nocivos à saúde, alguns materiais seriam reciclados, outros seriam levados para depósitos adequados.

Ajude a conscientizar as pessoas a utilizar mais o Ecoponto. Compartilhe essa informação.