Prefeitura fará a cobertura de 95 quadras poliesportivas da Rede Municipal de Educação

No total, R$ 79,5 milhões serão investidos nas obras. Os trabalhos já foram iniciados e estão previstos para serem finalizadas ainda no primeiro trimestre

A Prefeitura de São Paulo fará a cobertura de 95 quadras poliesportivas de unidades da rede municipal de Educação. No total, R$ 79,5 milhões serão destinados para as obras. Os trabalhos já foram iniciados e estão previstos para serem finalizadas ainda no primeiro trimestre. A ação é uma iniciativa das secretarias municipais de Infraestrutura Urbana e Obras (SIURB) e de Educação (SME).

“Estamos iniciando às obras de 95 quadras que serão reformadas e cobertas. É importante para você melhorar as condições para que as crianças possam brincar e participar das atividades esportivas, que fazem parte do contexto pedagógico e educacional.”, disse o prefeito Ricardo Nunes.

CEU Jaguaré. Foto:Gildson Di Souza

O investimento nas quadras poliesportivas será feito por meio do Programa Municipal de Cobertura de Quadras Esportivas das Unidades Escolares. Ele formaliza uma política pública destinada a melhorar os equipamentos educacionais e, dessa forma, ampliar sua utilização.

Segundo o secretário municipal de Educação, Fernando Padula, mais de 70 dessas quadras estão nas regiões afastadas do centro expandido. “Um compromisso com a periferia, com as regiões mais distantes”, afirmou.

Além das coberturas, a iniciativa irá implantar novos sistemas para a captação das águas das chuvas para reuso (auxiliando assim na sustentabilidade de cada uma das 96 unidades escolares), nova rede elétrica para iluminação das quadras, nova pintura em toda a estrutura e novo piso nas áreas onde for necessário. Dessa forma, a iniciativa prevê a ampliação do uso dos equipamentos educacionais no período noturno e, também, em dias chuvosos.

“As coberturas também estão sendo preparadas para num segundo momento a gente colocar aquelas placas de energia solar, que vai ajudar a reduzir a conta de energia da unidade de Educação”, explicou o secretário de Infraestrutura Urbana e Obras, Marcos Monteiro.

Serão contempladas escolas que abrangem as 13 Diretorias Regionais de Educação da capital. Um dos critérios para a escolha é o fato de a escola não ter nenhuma quadra coberta.

De: Secretaria Especial de Comunicação