Paradas de ônibus em corredores de alta demanda são revitalizadas na Capital

Foram requalificadas 43 estações do modelo Barbosa & Corbucci para oferecer uma espera mais confortável e segura ao usuário do transporte coletivo

A Prefeitura de São Paulo, por meio SPObras - responsável pelo mobiliário urbano da cidade de São Paulo - entregou ontem (03) a reforma (retrofit) de 43 paradas de ônibus do modelo Barbosa & Corbucci, presentes nos principais corredores da cidade de São Paulo. As obras tiveram início em outubro de 2019 e ficaram a cargo da Ótima, empresa que detém a concessão das paradas de ônibus na cidade, sem ônus para a Prefeitura. Em contrapartida, a concessionária poderá explorar a publicidade nos equipamentos. Foram revitalizadas estações no viaduto Brigadeiro Luis Antônio, Av. Nove de Julho, Av. São Gabriel, Av. Professor Francisco Morato, Av. Eusébio Matoso, Av. Rebouças, Av. Senador Teotônio Vilela, Av. Vereador José Diniz, Av. Ibirapuera, Estrada do M'boi Mirim e Rua da Consolação.

As paradas de ônibus denominadas Barbosa & Corbucci, nome do escritório de arquitetura que as projetou, destacam-se pelo porte e beleza de sua estrutura. O retrofit consistiu na recuperação estrutural e funcional dos equipamentos, sem, no entanto, descaracterizar sua concepção original, que foi vencedora de concurso no início da década de 2000.

Paradas de ônibus Barbosa & Corbucci – Imagem: Revista Projeto

Para tanto, foram usadas as melhores tecnologias atuais para recuperação das estruturas metálicas, mediante a retirada total das pinturas anteriores por lixamento e removedores químicos e substituição de partes que apresentavam corrosão e amassados irrecuperáveis. Em etapa posterior, foram aplicadas pinturas de base (primer), deixando o equipamento pronto para receber a pintura final.

A modernização também abrangeu a substituição de toda a parte elétrica, incluindo tubulações, cabos, aterramento e a colocação de luminárias em LED. Além disso, foram realizadas a limpeza e a recuperação da lã de rocha e reenvelopamento das paradas, proporcionando conforto térmico aos usuários; a revisão dos elementos de drenagem das coberturas, com substituição de das tubulações flexíveis coletoras; a substituição do fechamento lateral superior, anteriormente em acrílico, por vidros duplos temperados; a recuperação dos painéis de mensagens variáveis de informação; e a substituição do piso na área da parada de ônibus por um piso novo de ladrilho hidráulico, incluindo sinalização podotátil e direcional.

Parada de ônibus Piraporinha, na Estrada do M’boi Mirim, revitalizada


Assessoria de Comunicação - SPObras