Senhor do Vale

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Rua Blas Parera, 487 – Pirituba
Criado por decreto em 05/01/2010
Prefeitura Regional de Pirituba/Jaraguá
Área: 22.000 m²
Funcionamento: 6h às 18h
Telefone: (11) 3928-1691

INFRAESTRUTURA
Quadra poliesportiva, minicampo de terra, quiosque e áreas ajardinadas.

 

PARTICULARIDADES
Apresenta vegetação composta por eucaliptal com sub-bosque, gramados, áreas ajardinadas e arborização esparsa. Destacam-se árvore-polvo, cedro-japonês, figueira-benjamim, jatobá, jerivá, mutambo, pau-ferro, pinheiro-do-paraná e quaresmeira. No sub-bosque do eucaliptal destacam-se Piper sp. e Solanum sp.

 

Sua vegetação é formada por eucaliptal (Eucalyptus sp.) com sub-bosque, gramados, áreas ajardinadas e arborização esparsa. Destaques da FLORA: abacateiro (Persea americana), albízia-chinesa (Albizia chinensis), árvore-polvo (Schefflera actinophylla), cedro-de-bussaco (Cupressus lusitanica), figueira-benjamim (Ficus benjamina), jacarandá-paulista (Machaerium villosum), jatobá (Hymenaea courbaril), jerivá (Syagrus romanzoffiana), mirindiba-rosa (Lafoensia glyptocarpa), mutambo (Guazuma ulmifolia), pau-ferro (Libidibia ferrea var. leiostachya), quaresmeira (Pleroma granulosum) e sibipiruna (Poincianella pluviosa var. peltophoroides). Já foram registradas 57 espécies vasculares, das quais estão ameaçadas de extinção: palmito-jussara (Euterpe edulis) e pinheiro-do-paraná (Araucaria angustifolia). Inventário de flora 2018.


O BAIRRO (Pirituba)
O nome “Senhor do Vale” foi escolhido por plebiscito pela comunidade do entorno do parque por ser a tradução do nome do distrito “Jaraguá”, na língua tupi-guarani, homenageando o Pico do Jaraguá, localizado próximo à área. A região abrange os distritos de Pirituba, Jaraguá e São Domingos e está localizado na zona norte da cidade. Sua origem no século XIX deve-se à existência de grandes fazendas de café, sendo as principais a fazenda Barreto, de propriedade do médico resendense Luiz Pereira Barreto, a Fazenda do brigadeiro Tobias e a Fazenda Jaraguá. Com grande influência política dos fazendeiros e a grande importância do café, construíram a estação para receber os carregamentos que se destinavam ao porto de Santos.

Abriga, além do pico, a estação de trem do Jaraguá que foi aberta em 1891 com o nome de Taipas. Posteriormente teve o nome alterado para Jaraguá. As primeiras referências históricas da região datam do início do século XVI, quando Martim Afonso de Souza colheu informações sobre os recursos naturais e minerais da região. Os bairros surgiram a partir do desmembramento das fazendas locais. Um dos pontos turísticos é o próprio Pico, em torno do qual foi criado, em 1961, o Parque Estadual do Jaraguá.

CONSELHO GESTOR
Os Conselhos Gestores dos Parques Municipais foram criados em 2003 para garantir a participação popular no planejamento, gerenciamento e fiscalização das atividades que ocorrem nos parques. O objetivo é envolver a comunidade na discussão das políticas públicas de forma consultiva, com enfoque nas questões socioambientais. Os Conselhos são integrados por representantes da sociedade civil (em geral, três frequentadores e um representante de movimento social ou entidade local), um representante dos trabalhadores do parque e três representantes do Poder Executivo.

Saiba mais sobre os Conselhos Gestores no site da SVMA.

COMO CHEGAR?
8006-10 – Jd. Donaria – Terminal Pirituba
819A-10 – Vila Aurora – Jd. Primavera
819R-31 – Perus – Term. Lapa
847J-10 – City Jaraguá – Jaguaré
888P-10 – Perus – COHAB Taipas
9011-10 – Estação Jaraguá – TTVN Cachoeirinha
9011-21 – Estação Jaraguá – City Jaraguá
971R-10 – Estação Jaraguá – Metrô Santana
+ informações: www.sptrans.com.br