Rodrigo de Gásperi

 Norte                           

Mosaico com quatro fotografias sendo a primeira de folhas longas, arredondadas e estreitas em tons de verde e amarelo, a segunda de um muro azul com a parte superior em vermelho e buracos circulares grandes nele, a terceira imagem de campo aberto com mudas de árvores com folhas longas e finas em tom de verde e ao fundo árvores grandes com folhas verdes, e a quarta de uma rosa em tom de rosa com gotas de água sobre as pétalas.
Av. Miguel de Castro, 321 - Vila Zati
Inaugurado em 25/04/1982
Subprefeitura de Pirituba/Jaraguá
Área: 39.000 m²

Aberto diariamente das 6h às 18h
Telefone: (11) 3974-8600

 

INFRAESTRUTURA
Pista de caminhada, bicicletário, quadra de campo, quadra de bocha, quadra poliesportiva, mesas com tabuleiro de xadrez e dama, mesa de pingue-pongue, sanitários e playgrounds. Aos domingos funciona também o Bosque da Leitura (equipamento da Secretaria Municipal da Cultura).

PARTICULARIDADES
É conhecido popularmente como “Parque da Lagoa” porque havia anteriormente no local uma lagoa e um córrego, usado pelas pessoas para pescar e nadar. Após o aterramento da lagoa e a canalização do córrego, o local passou a ser usado por circos e parques de diversão que ali se instalavam com frequência. A prefeitura construiu um campo de futebol e um vestiário na parte mais larga do terreno, cedendo-os para uso dos clubes locais. Os moradores do bairro solicitaram então a abertura de um parque municipal com aproveitamento de todo o terreno.

Foram levantadas em sua FAUNA 14 espécies de borboletas e 23 de aves na área. Dentre as aves é possível observar a rolinha, quero-quero, beija-flor-tesoura, ferreirinho-relógio, sabiá-laranjeira, sabiá-do-campo, joão-de-barro e o sanhaço-cinzento, além das migratórias como o suiriri e a juruviara. Em áreas com gramíneas, pode-se avistar o tiziu, com seu comportamento singular de corte e defesa de território, que consiste em salto curto sincronizado com canto onomatopeico, realizado em um poleiro fixo.

Possui vegetação composta por áreas ajardinadas e bosque heterogêneo. Destaques da FLORA: angico (Anadenanthera colubrina), aroeira-mansa (Schinus terebinthifolia), falsa-seringueira (Ficus elastica), ingá-banana (Inga vera subsp. affinis), jambeiro (Syzygium jambos), paineira (Ceiba speciosa) e sibipiruna (Poincianella pluviosa var. peltophoroides). Também se destacam agrupamentos de araribá-rosa (Centrolobium tomentosum), casuarina (Casuarina equisetifolia), grevílea-gigante (Grevillea robusta), ipê-de-el-salvador (Tabebuia rosea), jerivá (Syagrus romanzoffiana), pau-ferro (Libidibia ferrea var. leiostachya), pau-formiga (Triplaris americana) e sete-capotes (Melaleuca leucadendra). Já foram registradas 118 espécies, das quais das quais está ameaçada de extinção: pau-brasil (Paubrasilia echinata). Inventário de flora 2021.

O BAIRRO
A região que abrange os distritos de Pirituba, Jaraguá e São Domingos tem uma população de aproximadamente 437,5 mil habitantes, em uma área de 54,7 km². Está localizado na zona norte da cidade. Sua origem no século XIX deve-se à existência de grandes fazendas de café, sendo as principais: a fazenda Barreto, de propriedade do médico resendense Luiz Pereira Barreto, a Fazenda do brigadeiro Tobias e a Fazenda Jaraguá. Com grande influência política dos fazendeiros e a grande importância do café, construíram a estação para receber os carregamentos que se destinavam ao porto de Santos.

O nome de Pirituba é o resultado da palavra "piri", que significa vegetação de brejo e com o aumentativo "tuba", que na língua tupi significa "muito". Pirituba tem como referência histórica a inauguração da Estação de Trem em 01 de fevereiro de 1885.

Do desmembramento da Fazenda Barreto, após a morte do seu proprietário em 1922, e consequente partilha pelos herdeiros, as terras foram loteadas em duas etapas (em 1922 e em 1926), criando assim duas vilas. Somadas ao núcleo inicial que se desenvolveu ao lado da estação, deram origem ao bairro. Posteriormente, outras partes da Fazenda Barreto foram loteadas, dando lugar à formação de novas vilas, como a Vila Bonilha, Vila Zatt, Vila Maria Trindade, Vila Mirante e Jardim São José.

Jaraguá, na língua Tupi, significa “Gruta do Senhor”, “Guarda do Vale” ou “Senhor dos Vales”. Abriga, além do pico, a estação de trem do Jaraguá que foi aberta em 1891 com o nome de Taipas. Posteriormente teve o nome alterado para Jaraguá. As primeiras referências históricas da região datam do início do século XVI, quando Martim Afonso de Souza colheu informações sobre os recursos naturais e minerais da região.

VOCÊ SABE QUEM FOI RODRIGO DE GÁSPERI? 
Aos 13 anos, no dia 23 de janeiro de 1992, o corinthiano Rodrigo de Gásperi foi vítima de uma bomba caseira, durante a semifinal da Copa São Paulo de Futebol Júnior, em partida entre Corinthians e São Paulo. Após um gol do São Paulo na prorrogação, houve briga entre os jogadores do Corinthians e a arbitragem. O atrito em campo também ecoou nas arquibancadas do estádio do Nacional Atlético Clube e uma das bombas lançadas pelas torcidas atingiu Rodrigo. O jovem permaneceu internado por quatro dias, mas não resistiu às várias lesões cerebrais e traumatismos cranianos. Em sua homenagem, o parque recebeu seu nome.

CONSULTE AQUI O REGULAMENTO DO PARQUE

CONSELHO GESTOR
Os Conselhos Gestores dos Parques Municipais foram criados em 2003 para garantir a participação popular no planejamento, gerenciamento e fiscalização das atividades que ocorrem nos parques. O objetivo é envolver a comunidade na discussão das políticas públicas de forma consultiva, com enfoque nas questões socioambientais. Os Conselhos são integrados por representantes da sociedade civil (em geral, três frequentadores e um representante de movimento social ou entidade local), um representante dos trabalhadores do parque e três representantes do Poder Executivo.
Saiba mais sobre os Conselhos Gestores no site da SVMA.

COMO CHEGAR:
8015/10 – Cem. De Perus / Term. Pirituba
8017/10 – CPTM Vl. Aurora / Term. Pirituba
8300/1 – Term. Pirituba / Term. Lapa
8300/10 – Term. Pirituba / Term. Lapa
8400/10 – Term. Pirituba / Pça. Ramos de Azevedo
8600/10 – Term. Pirituba / Lgo. Paissandu
9018/10 – Vl. Mirante / Term. Pirituba
9019/10 – Jd. Paulistano / Term. Pirituba
9020/10 – Vl. Mirante / Term. Pirituba
948A/10 – Vl. Zatt / Metrô Barra Funda
N104/11 – Term. Pirituba / Term. Lapa
N139/11 – Term. Pirituba / Jd. Paulistano
N140/11 – Term. Pirituba / Vl. Mirante
+ informações: www.sptrans.com.br