Povo - Mário Pimenta Camargo

 Centro-Oeste            

Um retângulo com quatro fotografias dentro, separadas por uma fina linha branca. A primeira foto uma pintura do rosto de uma mulher com os cabelos em tom de vermelho ao redor e flores em tom de rosa claro, amarelo e azul nas pontas, a segunda foto escultura de um homem com o tronco inclinado para frente, a terceira foto flores em tom de rosa com o fundo do céu azul, a quarta foto flores em tom amarelo e grama verde. 

Av. Henrique Chamma, 420 - Pinheiros
Inaugurado em 28/09/2008
Subprefeitura de Pinheiros
Área: 133.547m²
Funcionamento: 6h às 22h
Telefone: (11) 3073-1217

 

INFRAESTRUTURA
O Parque conta com três quadras poliesportivas, sendo uma delas com marcação especial para esportes paraolímpicos; aparelhos de ginástica de baixo impacto; banheiros, entrada do parque, aparelhos de ginástica de baixo impacto e áreas de circulação acessíveis às pessoas com deficiência; parquinho infantil; ciclovia; pista de caminhada; estações de ginástica; sanitários; roteiros botânicos e jardim sensitivo (jardim em forma de labirinto, composto por espécies ornamentais e medicinais que estimulam olfato, tato e visão).

O parque também possui os seguintes Roteiros Botânicos: Mirtáceas, Frutíferas Nativas, Frutíferas Exóticas, Madeiras Nobres, Círculos, Palmeiras, Árvores Especiais e Árvores Ornamentais. Os roteiros são compostos por Coleções Botânicas que incluem espécies de todos os Biomas do Brasil, com o intuito de demonstrar em um pequeno espaço da cidade, a grande diversidade de espécies existentes na flora do País.

O parque fornece o destino adequado para todos os resíduos nele gerados ou descartados. O visitante pode conhecer as composteiras do parque, como também o minhocário e entender como funciona o processo de decomposição da matéria orgânica e a sua transformação em adubo orgânico. O visitante também pode aprender como construir um minhocário em sua residência e retirar as minhocas.

Pela sua topografia plana, o Parque é muito procurado para a prática de atividades físicas, como corrida e caminhada, além das tradicionais aulas gratuitas de yoga, que acontecem todas as segundas e quintas, às 8h e às 18h, e aos domingos, às 9h.

PARTICULARIDADES
Implantado pela Secretaria das Subprefeituras e aberto desde 2008, apresenta localização e acesso metropolitanos. O projeto educativo e ambiental desenvolvido inclui sete roteiros botânicos, nos quais estão distribuídas as plantas que formam parte das coleções botânicas do parque.

Sua vegetação contempla área ajardinada, gramados e bosques heterogêneos, jardins temáticos (como o jardim sensitivo com espécies aromáticas, medicinais e alimentícias), grupos de palmeiras e árvores frutíferas. Destaques da FLORA: albízia (Albizia procera), aroeira-mansa (Schinus terebinthifolia), bambu-imperial (Bambusa vulgaris), bignônia-púrpura (Bignonia magnifica), cajueiro (Anacardium occidentale), castanheira-das-guianas (Pachira aquatica), cerejeira-do-rio-grande (Eugenia involucrata), cinamomo (Melia azedarach), citronela (Cymbopogon nardus), coqueiro (Cocos nucifera), cuietê (Crescentia cujete), ébano-oriental (Albizia lebbeck), embaúba (Cecropia kavanayensis), embiruçu (Pseudobombax grandiflorum), guariroba (Syagrus oleracea), ingá-banana (Inga vera subsp. affinis), jambolão (Syzygium cumini), jerivá (Syagrus romanzoffiana), loureiro (Laurus nobilis), paineira-vermelha (Bombax ceiba), palmeira-de-lucuba (Dypsis madagascariensis), palmeira-de-pescoço-marrom (Dypsis leptocheilos), palmeira-princesa (Dictyosperma album), sete-capotes (Melaleuca leucadendra), suinã (Erythrina velutina) e washingtônia-do-sul (Washingtonia robusta). Já foram registradas 127 espécies vasculares, das quais está ameaçada de extinção: pau-brasil (Paubrasilia echinata). Inventário de flora 2018.

Foram observadas 54 espécies de FAUNA, sendo 42 de aves, 9 de insetos e 3 de moluscos. Nos gramados e jardins podem-se avistar aves como quero-quero, avoante, rolinha, asa-branca, beija-flor-tesoura, pica-pau-do-campo, suiriri-cavaleiro, sabiá-do-campo e tico-tico. Na copa das árvores ou em sobrevoo é possível se observar maracanã-nobre, tuim, sanhaçu-do-coqueiro, ferreirinho-relógio, alegrinho e pitiguari. Os migratórios suiriris e tesourinhas também podem ser avistados de setembro a março.

O BAIRRO
Localizado na zona oeste da cidade de São Paulo, o bairro de Pinheiros é considerado por muitos o bairro mais antigo da metrópole. Nasceu ao longo do rio Pinheiros em 1562 quando, após fracassarem no grande ataque a São Paulo, os índios deixaram Piratininga e se estabeleceram onde hoje está o Largo da Batata, migrando depois para um local conhecido como Nossa Senhora dos Pinheiros.

Por volta do ano de 1600, o chamado Caminho de Pinheiros (atual Consolação) era um dos principais pontos da vila de São Paulo, pois ligava essa região a outras mais distantes. O progresso só veio com o ciclo do café no Brasil, entre o final do século XIX e o começo do século XX. Nesse período registrou-se a chegada de vários imigrantes, como italianos e, mais tarde, japoneses. O bairro sempre teve uma ponte para a travessia sobre o rio, frequentemente destruída por enchentes, até ser erguida uma versão metálica, em 1865.

QUEM FOI MÁRIO PIMENTA CAMARGO
O advogado e banqueiro Mário Pimenta Camargo (1929-1996) foi um dos maiores colecionadores de arte e antiguidades e obras de arte do país, sendo inclusive alvo de ação da promotoria pública por conta da compra da portada da Igreja de Bom Jesus do Matozinhos, de São João Del-Rei. Sua coleção particular – formada por 4 mil itens, entre quadros, móveis, prataria, porcelanas e livros – rodou países como França, Itália, Inglaterra, Bélgica, Portugal, Espanha e Argentina. Camargo dirigiu o Museu de Arte de São Paulo (Masp) e exerceu cargos em diversas outras instituições artísticas, entre elas a Fundação Bienal de São Paulo e o Museu de Arte Moderna de Nova York.

CONSELHO GESTOR
Os Conselhos Gestores dos Parques Municipais foram criados em 2003 para garantir a participação popular no planejamento, gerenciamento e fiscalização das atividades que ocorrem nos parques. O objetivo é envolver a comunidade na discussão das políticas públicas de forma consultiva, com enfoque nas questões socioambientais. Os Conselhos são integrados por representantes da sociedade civil (em geral, três frequentadores e um representante de movimento social ou entidade local), um representante dos trabalhadores do parque e três representantes do Poder Executivo.
Saiba mais sobre os Conselhos Gestores no site da SVMA.

COMO CHEGAR:

ÔNIBUS
106A-10 Metrô Santana - Itaim Bibi
516N-10 Jd. Miriam - Itaim Bibi
637A-22 Itaim Bibi - Term. Jd. Angela
648P-10 Term. Capelinha - Pinheiros
677A-10 Term Jd Ângela - Metro Ana Rosa
677A-23 Brooklin - Term Jd Ângela
709G-10 Term. Guarapiranga - Itaim Bibi

+ informações: www.sptrans.com.br   

TREM (CPTM)
Linha 9 - Esmeralda - Estação Cidade Jardim

CICLOFAIXA DE LAZER
O Parque está integrado na Ciclofaixa de Lazer
Funcionamento: aos domingos e feriados, das 7h as 16h