27/04/2017 16h22

Share

Rodízio suspenso, zona azul liberada nesta sexta-feira (28/04).

Veículos com dois ou mais passageiros poderão circular pelas faixas e corredores de ônibus.

Para garantir a mobilidade dos moradores de São Paulo, dada a greve marcada para esta sexta-feira, 28 de abril, a Prefeitura de São Paulo adotou uma série de medidas. De acordo com a Secretaria de Mobilidade e Transportes e com a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), será liberado o rodízio (menos para caminhões), além da Zona Azul, o uso das faixas de ônibus e dos corredores para veículos como táxis, fretados e carros com mais de um passageiro.


A Secretaria Municipal de Transportes recomenda que, em distâncias curtas, as pessoas optem por utilizar bicicletas ou façam trajetos a pé. O secretário Sergio Avelleda também orienta que os trabalhadores planejem o dia da greve e conversem com vizinhos, colegas de trabalho, para organizar esquemas de carona.


As faixas reversíveis serão mantidas até às 10h, no período da manhã. São elas: Ponte das Bandeiras, Ponte dos Remédios, Radial Leste, Conselheiro Carrão, Ponte do Limão, Ponte da Casa Verde, Ponte João Dias e Ponte do Piqueri e, aqui em Capela do Socorro, a Ponte Jurubatuba. No período da tarde, as faixas reversíveis vão seguir a operação normal.