Share

Guia Fotográfico de Aves da Cidade de São Paulo

Divisão de Fauna Silvestre

 

Em São Paulo, a maior cidade da América do Sul, residem 11 milhões de cidadãos, num território de 1530 quilômetros quadrados. Tão grandiosa quanto os números apresentados pela metrópole é a diversidade de aves que dividem esse território com a população, muitas vezes sem serem notadas. São 372 espécies diferentes de aves catalogadas na cidade pela Divisão de Fauna Silvestre, da Secretaria Municipal do Verde e do Meio Ambiente - PMSP.

Esta riqueza inusitada inclui aves migratórias, endêmicas e até mesmo espécies ameaçadas de extinção. Prestadoras de serviços ambientais de valores inestimáveis, as aves são fundamentais para a polinização de flores, dispersão de sementes e controle de pragas. Sua presença também nos indica o quão saudável está o ambiente.

Os parques municipais e áreas verdes do município são alguns dos locais onde estes animais alados encontram abrigo, alimento e local para reprodução. O livro “Aves da Cidade de São Paulo” reúne 97 espécies escolhidas por serem facilmente avistadas em 63 parques municipais. Cada ave tem seu registro fotográfico, identificação com nome popular e científico e tamanho. As informações biológicas sobre habitat, alimentação e comportamento estão representadas através de ícones. Um mapa do município aponta os parques onde cada ave ocorre e sua frequência relativa. Esta publicação visa divulgar a rica avifauna de São Paulo e estimular a prática de observação de aves nos parques, áreas verdes ou mesmo de sua janela. Não é preciso sair da cidade para uma maior conexão com a natureza. Durante os trajetos para o trabalho, escola, mercado, no seu bairro, próximo de sua casa é possível se deparar com cenas e sons inusitados...deixe que as aves o conecte.

Dicas para um maior sucesso na prática de observação de aves na cidade: esqueça por uns instantes dos ruídos do trânsito e das pessoas à sua volta, olhe para cima, para o céu, para o alto dos edifícios e suas antenas, para fios e também para o topo das árvores. Procure pelo chão e nos gramados. Fique atento às vozes das aves. Quando escutar alguma cantando tente encontrá-la no ambiente. Procure não chamar atenção, ficando em silêncio sem fazer movimentos bruscos, desta forma as aves vão poder achá-lo também. Use esse livro para conhecê-las melhor e divirta-se.

Anelisa Ferreira de Almeida Magalhães
Marcos Kawall Vasconcellos

Acesse a publicação (arquivo PDF)