Observatório Martinelli

A Prefeitura vai conceder à iniciativa privada os andares 25, 26 e 27 do Edifício Martinelli, além dos espaços comerciais localizados no térreo do edifício, na Avenida São João nº 11. Além do mirante, o vencedor do edital deverá manter um programa de curadoria com espaços expositivos, painéis interativos e acervos relacionados à história do edifício e da cidade, e promover ações culturais. Também serão inaugurados loja, restaurante e um café.

Um núcleo de recepção e centro de informações turísticas também serão ofertados à população, que contará com ao menos um novo elevador para realizar a visita. O passeio será completo, com acesso aos espaços cobertos existentes, incluindo o palacete do Comendador Martinelli.

A concessão da cobertura do Martinelli à iniciativa privada dialoga com o programa de renovação dos espaços voltados para pedestres, como a revitalização do Vale do Anhangabaú como ponto turístico e de lazer; reforma dos calçadões do Centro Histórico; o incentivo à requalificação de edifícios e terrenos abandonados ou subutilizados; a viabilização do Parque Augusta, o Projeto de Intervenção Urbana (PIU) Setor Central com diversos incentivos urbanísticos – entre eles o adensamento da região central; a revitalização do Largo do Arouche e Praça Roosevelt; e a expansão do programa Centro Aberto para dez novos locais, inclusive distantes do centro.

Saiba mais aqui.