45 - Quem são os produtores agrícolas da Zona Sul de São Paulo

Estudo baseado no Cadastro das Unidades de Produção Agropecuária da Zona Sul do Município de São Paulo, elaborado pelo Cebrap, apresenta as características dos agricultores e das propriedades agrícolas da Zona Sul de São Paulo. O banco de dados utilizado será disponibilizado no Geosampa.

O novo estudo elaborado pelas equipes de Geoinfo e do Projeto Ligue os Pontos faz uma análise detalhada dos dados que compõem o Cadastro das Unidades de Produção Agropecuária da Zona Sul do Município de São Paulo, elaborado pelo Cebrap. O banco de dados deste cadastro será divulgado na plataforma Geosampa.

De acordo com o levantamento, a maior parte das propriedades cadastradas são de pequeno porte e caracterizam-se pela agricultura familiar, tendo parte de sua área voltada à produção de folhosas e plantas ornamentais. Notou-se, entretanto, que há uma baixa comercialização da produção, com baixos ganhos monetários e alta informalidade em toda a cadeia produtiva.

O estudo também se atenta às características sociais dos produtores, como o rendimento familiar e o grau de instrução. Destaca-se também a baixa adesão a qualquer forma de cooperativismo ou associativismo, já que mais de 80% dos agricultores pesquisados não são cooperados, sindicalizados ou participantes de qualquer outra forma de organização.

Nesse contexto, as ações inovadoras do Projeto Ligue os Pontos buscam promover o fortalecimento da atividade agrícola e a melhoria nas condições de vida da produtores rurais, visando assegurar a proteção ambiental necessárias à manutenção dos mananciais, tal qual previsto entre as diretrizes do PDE.
 

Acesse estudo na íntegra