Obras de urbanização no Jardim Santa Teresinha beneficiam 784 famílias

O local faz parte da Bacia da Billings, Sub-Bacia Ribeirão Colônia e está jurisdicionado a Subprefeitura Parelheiros.

 O processo de urbanização no bairro Jardim Santa Teresinha, localizado em Parelheiros, tem sido uma iniciativa fundamental para a melhoria das condições de vida dos seus moradores. As obras de urbanização e saneamento aconteceram por meio do Programa Mananciais e está dividida em duas etapas.
A Primeira etapa, já concluída, realizou 1.574 metros quadrados de contenção de talude para eliminação de área de risco, 261 metros lineares de rede de drenagem e alargamento de calçadas para pedestres. Nesta primeira etapa o Programa investiu 4,7 milhões.

A segunda etapa, que se encontra em projeto, trará para o bairro redes de água, redes de esgoto, drenagem, canalização de córrego, pavimentação, revitalização de praça, construção de mirante e ainda prevê a construção de, aproximadamente, 15 novas unidades habitacionais. Além da regularização fundiária para mais de 150 famílias.
As redes de água e esgoto serão feitas em parceria com a Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp).
A urbanização foi iniciada em janeiro de 2023 e será entregue em sua totalidade em junho de 2024. O perímetro de urbanização envolve área de risco geológico classificadas como R2.
A urbanização no Jardim Santa Teresinha não apenas visa a estética, mas busca atender às necessidades básicas da população, promovendo um ambiente mais digno e inclusivo. Este processo é essencial para a construção de uma comunidade resiliente e próspera, refletindo o compromisso com o bem-estar e o desenvolvimento sustentável do bairro.
Parceria e Investimentos
A Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo – SABESP, parceira nesta ação, firmou convênio para a ampliação da rede de esgoto e ligação da rede de água na região do entorno das Represas Guarapiranga e Billings.

O convênio executará obras de saneamento básico (rede de captação de efluente de esgoto doméstico e rede para fornecimento de água potável). O valor investido para execução das obras será de R$ 121 milhões, sendo R$61 milhões aportados pela SABESP e R$60 milhões pelo município, com recursos do FUNDURB e FMSAI.

Sobre o Programa Mananciais

O Programa Mananciais da Secretaria Municipal de Habitação data de meados dos anos 1990, quando foi iniciado por meio do então chamado Programa Guarapiranga, com ações de urbanização e regularização fundiária de assentamentos precários (favelas e loteamentos irregulares) especificamente na região da bacia hidrográfica Guarapiranga.

Atualmente, o Programa tem por campo de atuação tanto a região da bacia hidrográfica Guarapiranga, quanto a bacia Billings, ambas localizadas na zona sul da cidade de São Paulo. O Programa envolve ações de: (1) urbanização de assentamentos precários; (2) regularização fundiária; (3) atendimento habitacional (provisório e definitivo) de famílias reassentadas de áreas de risco ou de áreas em obras e (4) implantação de parques e áreas de lazer, bem como equipamentos públicos. O Programa Mananciais também tem por objetivo contribuir para a despoluição das represas Billings e Guarapiranga e para a proteção ambiental das áreas de influência dessas bacias hidrográficas.

Ao longo da gestão 2017-2020, foram beneficiadas 8,8 mil famílias com as obras de urbanização do Programa Mananciais. Dentro da gestão 2021-2024, considerando o balanço do primeiro semestre de 2023, já foram beneficiadas 17 mil famílias.

Na atual fase do Programa Mananciais (2021-2024), temos em andamento 24 obras de urbanização e 8 concluídas, já entregamos 1.414 unidades habitacionais e estão em andamento por volta de 7 mil novas unidades. Até 2024, espera-se beneficiar aproximadamente 31 mil famílias com as obras de urbanização e 8 mil famílias com unidades habitacionais e ao menos 1,7 milhão de metros quadrados de implantação de parques e áreas de lazer.

A totalidade dos investimentos previstos até 2024 em obras de urbanização e unidades habitacionais é de R$ 2,7 bilhões.