Prefeitura de São Paulo instala mais de 100 lixeiras na entrada dos restaurantes Bom Prato

As instalações ocorreram nas vias próximas às unidades e busca reforçar o descarte correto dos resíduos


Foto: Divulgação - Amlurb

 

A Prefeitura de São Paulo, por meio da Autoridade Municipal de Limpeza Urbana (Amlurb) instalou 109 lixeiras nas entradas e imediações das 22 unidades da Rede de restaurantes Bom Prato. A ação busca reforçar a importância de descartar corretamente os resíduos utilizados nas refeições, como talheres e embalagens e preservar a saúde pública durante o cenário da pandemia do novo coronavírus. Além dos novos equipamentos instalados, a cidade conta cerca de 150 mil lixeiras distribuídas pelas vias.

Foram instaladas 53 lixeiras na Zona Leste, 10 na Zona Sul, 13 na Zona Oeste, 02 na Zona Norte, 02 na região sudeste e 29 lixeiras e 02 contêineres no centro da capital. Os modelos instalados são: cestos aramados, que são fixados nos postes e o modelo robocop, em formato cilíndrico com 30 cm de diâmetro e capacidade de até 50 litros cada. Esse modelo possui maior resistência no material, o que aumenta sua durabilidade e minimiza depredações.

A Prefeitura conta com a colaboração da população para manter os equipamentos públicos em bom estado. Em casos de vandalismo a infração prevista no "INCISO VII", do art. 1°, da lei 10.328/1.987, autua o cidadão que danifica ou destrói, no topo ou em parte, cercas, tampas de bueiros, lixeiras, muros, marcos ou quaisquer outros bens e equipamentos urbanos do município, no valor de R$325,66.