Brucelose

 

Hemocultura de Brucella sp com coloração de Gram
(Fonte: www.microbes-edu.org)
 


 

 

 

 

O que é?

Doença causada por bactérias do gênero Brucella, com 6 espécies conhecidas (B. melitensis, B. abortus, B. neotomae, B. canis, B.bovis e B. ovis). A enfermidade pode acometer o homem, animais domésticos e silvestres. Os sintomas mais comuns no homem são: insônia, impotência sexual, constipação, anorexia, artralgias e dores generalizadas.

Transmissão

O homem se infecta principalmente através de contato com animais ou indiretamente por ingestão de produtos de origem animal. Os grupos ocupacionais mais expostos ao risco de infecção são os magarefes, criadores e veterinários.

Tratamento

A terapêutica permite reduzir a duração e as recaídas da doença.

Diagnóstico Laboratorial

 Pesquisa de anticorpos em soro humano (B. abortus):

  • Soroaglutinação Rápida (SAR)

Resultado: 24 horas 

  • Soroaglutinação Lenta (SAL)

Resultado: 4 dias 

  • Soroaglutinação Lenta com 2-Mercaptoetanol (SAR-2ME) (indicativo de presença de anticorpos IgM).

Resultado: 4 dias

 

Interpretação

A suspeita clínica da brucelose, baseada na sintomatologia e antecedentes epidemiológicos, necessita de confirmação laboratorial. A soroaglutinação lenta é a prova mais sensível e de uso mais amplo no diagnóstico sorológico da brucelose. Um título inicial alto (100 UI) e títulos crescentes em amostras repetidas do soro constituem base para o diagnóstico.

 

Prevenção

Evitar ingestão de leite e derivados sem pasteurização.

Em grupos ocupacionais o uso de EPI (Equipamento de Proteção Individual) e supervisão médica constituem a base da prevenção.

 

Envio Correto de Material

  • Material
    • Soro (1 ml);
    • Sangue (5 ml)
       
  • Conservação/Transporte
    • Soro: refrigerado ou congelado
    • Sangue: refrigerado.
       

Veja também :

 Preço dos Exames Laboratoriais