Histórico

 

O Centro de Estudos Jurídicos Lucia Maria Moraes Ribeiro de Mendonça (CEJUR), da Procuradoria Geral do Município de São Paulo (PGM), criado em março de 1988, desenvolve atividades que contribuem para o aperfeiçoamento profissional e cultural do servidor municipal. Dentre elas estão: cursos, palestras, workshops, simpósios e congressos.


Importante fomento ao saber e ao conhecimento, o CEJUR contribui para a atualização jurídica e cultural do procurador.


O CEJUR também é responsável por  editar a Revista da Procuradoria Geral, periódico que contém produção doutrinária dos procuradores municipais e de outros juristas. Ainda, como forma de incentivo, a Pasta divulga os trabalhos, sempre de alto nível, dos procuradores.

 

A história do Direito municipal


O CEJUR teve como sede, por 20 anos, um sobrado centenário localizado na Avenida Brigadeiro Luís Antonio. O imóvel foi declarado de utilidade pública pelo então prefeito Jânio Quadros e totalmente restaurado para abrigar o Centro, sendo, posteriormente tombado pelo Conselho Municipal de Preservação do Patrimônio Histórico, Cultural e Ambiental da Cidade de São Paulo (CONPRESP).


Em 28 de julho de 2009 foi inaugurada a nova sede do CEJUR no Pátio do Colégio, centro histórico da capital paulista. Esta, que é sua segunda sede própria, divide a paisagem com o Pátio do Colégio, berço dessa que se tornou uma das maiores metrópoles do mundo.


Elementos da História dos procuradores do Município de São Paulo

Livro digital com História dos procuradores do Município de São Paulo, desde 1532. Obra comemorativa dos 25 anos da criação da PGM. Acesse aqui