SMPED se une a SMT em ação do Maio Amarelo

Iniciativa busca conscientizar a população sobre o respeito as vagas demarcadas para pessoas com deficiência na capital

Nesta terça-feira, 31 de maio, a Secretaria de Mobilidade e Trânsito (SMT) e a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) realizaram a ação “Defis” que visa estimular o respeito ao uso correto das vagas demarcadas para pessoas com deficiência na cidade de São Paulo.

A Secretaria Municipal da Pessoa com Deficiência (SMPED) apoiou a iniciativa que parte de um conjunto de ações e eventos voltados a conscientizar a população paulistana e encerra a campanha do Maio Amarelo, mês que marca o movimento internacional da luta pela redução da mortalidade no trânsito.

A ação aconteceu nesta manhã na Rua Oscar Freire, altura do número 550, onde foram colocadas cadeiras de rodas em vagas de estacionamento regulares, com mensagens costumeiramente utilizadas como desculpa por quem desrespeita as vagas Defis: “é só um minuto”, “volto já” e “é rapidinho”. Motoristas que tentaram estacionar no local sentiram na pele o que pessoas com deficiência passam quando se vêem impedidas de utilizar as vagas destinadas a elas.

Hoje na capital, existem 1.545 vagas exclusivas para pessoas com deficiência motora que solicitam o cartão Defis e por isso são autorizadas a utilizar as vagas demarcadas. Este número não leva em conta as vagas existentes em estabelecimentos privados. Quem desrespeita o uso correto dessas vagas comete infração gravíssima (7 pontos na CNH) e paga R$ 239,47 de multa. Em 2021, foram lavradas 3.191 autuações de motoristas que estacionaram irregularmente em vagas exclusivas para pessoas com deficiência.

Atualmente, são cerca de 65 mil paulistanos com credenciais válidas para utilização das vagas exclusivas, sejam públicas ou privadas. O passo a passo para requerer o Cartão DeFis está no link:

https://sp156.prefeitura.sp.gov.br/portal/servicos/informacao?servico=3314

Sobre o Maio Amarelo

O Maio Amarelo é uma campanha mundial de conscientização da segurança viária. As secretarias de Mobilidade e Trânsito (SMT) e de Transportes e Mobilidade Urbana (SETRAM), por meio da CET, da SPTrans e do DTP vêm apoiando essa causa a fim de, em parceria com a iniciativa privada e demais órgãos do Município, difundir a importância do convívio harmônico e seguro entre todos os modais.