52 - Atividade econômica nos Eixos de Estruturação da Transformação Urbana

A partir de dados de emprego formal nos anos de 2014 e 2019 procurou-se entender a evolução da atividade econômica dos Eixos em comparação ao restante do território da capital paulista, levando em conta ainda a presença dos empregos nas macroáreas que cortam os eixos.

A partir de dados de emprego formal nos anos de 2014 e 2019 procurou-se entender a evolução da atividade econômica dos Eixos em comparação ao restante do território da capital paulista, levando em conta ainda a presença dos empregos nas macroáreas que cortam os eixos. Os Eixos também foram categorizados conforme sua continuidade e homogeneidade territorial e da presença dos transportes coletivos de massa (corredores e faixas exclusivas de ônibus, trem, metrô e monotrilho), o que permitiu a identificação de 16 agrupamentos de eixos. Em cada um foram estudadas as 10 atividades econômicas mais empregadoras, os empregos por porte de empresa e os empregos por macroárea PDE.

Não se verificou alteração da participação dos eixos no total de empregos da capital entre os anos de 2014 e 2019. Da perspectiva de variação, os eixos apresentaram queda mais acentuada dos postos de trabalho (-3,8%) na comparação com o restante do município (-0,6%).

A análise pormenorizada das atividades produtivas permitiu concluir que o Eixo - 1 Centro/Oeste/Sul é aquele que detém a maior complexidade econômica, na figura de serviços de saúde (região do “quadrilátero da saúde”, mas não somente), serviços financeiros e serviços ligados à tecnologia de informação e comunicação, os quais não apenas empregam grande quantidade de trabalhadores, mas também contribuem (conforme a literatura especializada) sobremaneira com a formação do valor adicionado. Tal complexidade econômica vai se esvaindo à medida que os outros eixos se afastam do Eixo 1. Nos mais periféricos há atividades bastante elementares do ponto de vista de produção de valor agregado, ainda que existam exceções que foram pontuadas no estudo.

Acesse o estudo na íntegra.