Coordenadoria de Segurança Alimentar e Nutricional (Cosan)

A Coordenadoria de Segurança Alimentar e Nutricional – Cosan é o órgão responsável pela implementação de programas, projetos e ações que fortaleçam a segurança alimentar e nutricional da cidade de São Paulo.

A Cosan visa garantir a toda a população da cidade, condições de acesso a alimentos de qualidade e em quantidade suficiente, de modo permanente, sem comprometer o acesso a outras necessidades essenciais, além de contribuir de maneira efetiva para a qualidade de vida da população, desde a produção de alimentos até o consumo.

Centros de Referência em Segurança Alimentar e Nutricional

O órgão é responsável pelas duas unidades dos CRESANs – Centro de Referência em Segurança Alimentar e Nutricional, localizados em Vila Maria e Butantã, que promovem a integração da comunidade para uma alimentação saudável, além de incentivar a geração de renda por meio da economia criativa desenvolvendo oficinas gastronômicas gratuitas realizadas semanalmente.

Programa Banco de Alimentos

O Banco Municipal de Alimentos localizado em Vila Maria também é administrado pela Cosan, o equipamento é responsável pelo recebimento de doações de alimentos e insumos de instituições privadas que passam por uma triagem monitoramento de qualidade. Ao final, a coleta é encaminhada para as entidades assistenciais cadastradas pelo Banco de Alimentos, que distribuem pacotes e/ou refeições gratuitas para pessoas que sofrem de insegurança alimentar e nutricional.

Combate ao Desperdício de Alimentos

A Cosan é a idealizadora e responsável pelo Programa Municipal de Combate ao Desperdício e à Perda de Alimentos, cujo objetivo é arrecadar frutas, legumes e verduras que seriam descartadas por não possuir valor comercial, mas que estão em boas condições de consumo, a coleta é direcionada para as entidades assistenciais cadastradas pelo banco de alimentos. Atualmente, a campanha é realizada em 11 equipamentos municipais, sendo dois mercados e sete feiras livres. A coleta que não atende os padrões de qualidade de consumo é direcionada para pátio de compostagem da Sé,administrado pela Amlurb – Autoridade Municipal em Limpeza Urbana.

Em julho de 2019, o Prefeito Bruno Covas assinou o Decreto que instituiu o Programa de Combate ao Desperdício e à Perda de Alimentos, o que ampliará a iniciativa para até 200 feiras livres em 2019.

Siga a SMDET nas redes sociais