Mostra Morpheus Teatro 21 anos leva peças “Berenices” e “O Princípio do Espanto” gratuitamente ao Teatro Cacilda Becker

A companhia teatral fundada em 2002 por João da Silva Araújo é conhecida por usar bonecos e máscaras em seus espetáculos, com histórias tanto para o público infantil quanto aos adultos

A Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria Municipal de Cultura, anuncia a chegada de duas novas peças teatrais tradicionais da companhia Morpheus Teatro, na Mostra Morpheus Teatro 21 anos. “O Princípio do Espanto” - dirigido, atuado e escrito por João da Silva Araújo - e “Berenices” - espetáculo infantil criado por Verônica Gerchman - chegam gratuitamente ao Teatro Cacilda Becker, na zona oeste de São Paulo, substituindo as peças “Pés Descalços” e “Pequenas Coisas”, a partir dos dias 21 e 22 de junho (respectivamente) até o dia 30 de junho.

Em “Berenices”, Verônica Gerchman é a autora, protagonista e diretora da peça, que mescla as vertentes do Teatro de Animação e o Teatro das Máscaras para contar a história da jovem Berenice, uma menina que tenta encontrar seu lugar no mundo em uma jornada de autodescoberta após o nascimento do seu irmão. Berenice sempre foi curiosa e apaixonada pelo mundo, porém quando começa a crescer e desenvolver uma certa maturidade, a protagonista consegue perceber e lidar com seus pensamentos, sentimentos, medos, dificuldades e expectativa sobre os outros, um “mundo” estranho que cresce cada vez mais.

“‘Berenices’ nasceu quando eu estava pra fazer 50 anos. A questão de sentir muitas coisas, às vezes tudo ao mesmo tempo, me acompanha desde pequena”, comenta Verônica sobre o processo de criação da peça. Justamente por essa inquietação e o turbilhão de sensações que sentimos no dia, muitas vezes de diferentes níveis e razões - ou até não-compreendidos - que Verônica cita a importância de “Berenices” para o público infantil. “Sensibiliza a criança a entrar em contato com o sentir, ainda por meio deste mundo veloz, com uma dinâmica não muito amorosa entre as pessoas, que vivem um ‘cada um por si’.”

Já a peça “O Princípio do Espanto” foi criada e desenvolvida por João, criador do Morpheus Teatro, antes mesmo da própria companhia nascer, com o ator ensaiando sozinho com um boneco que havia feito. “Nesse ato instigante e exaustivo de fazer, ver e refazer, comecei a desenvolver minha maneira de trabalhar. Apenas desejava e precisava construir um espetáculo, imitando e assimilando tudo aquilo que amava das experiências que tinha tido com o teatro e que pudessem nessa incorporação se tornar meu trabalho de arte e sustento”, falou João da Silva Araújo. O espetáculo encara a relação entre um boneco e seu comandante. Caracterizado por ser uma peça sem falas, os gestos protagonizam a história destes dois personagens que pensam estar no próprio controle, mas percebem uma mútua dependência que os obriga a rever suas percepções. “É uma relação sobre solidão e nossa necessidade do outro. Um choque entre a vida que percebemos à nossa volta e a vida que desconhecemos”, comenta João.

Além das duas peças, a Mostra Morpheus Teatro 21 anos realiza intervenções nos intervalos, com improvisos utilizando máscaras e bonecos do acervo da companhia, até o dia 30 de junho; e uma exposição fotográfica que conta a história do grupo Morpheus e o processo de criação das máscaras e bonecos, disponível até o dia 28 de junho. Ambas as atrações são gratuitas.

Escrito por: Enzo Sapio

Serviço
MOSTRA MORPHEUS TEATRO 21 ANOS
Em comemoração ao trabalho desenvolvido ao longo dos últimos 21 anos, o Grupo Morpheus Teatro compartilha com o público seus processos, pesquisas e questões artísticas e estéticas em uma mostra de repertório que ocupa o TCB entre 7 e 30/06.

Intervalos: Morpheus Teatro traz máscaras e pequenas situações em intervenções no foyer do TCB.
Criação e direção: João da Silva Araujo
Datas: 07/06 à 30/06
Horários: Sex 20h30 e Dom 15h30
Duração: 15 min
Classificação: Livre
Preço: Grátis - Ingressos 1 hora antes

Exposição fotográfica: Grupo Morpheus Teatro 21 anos: Imagens com a construção dos bonecos e máscaras utilizados no espetáculo.
Fotografias: Grupo Morpheus Teatro / Design gráfico: Yuri de Francco
Datas: 07/06 a 28/06
Horário: Sex 20h; Sáb e Dom das 15h às 22h
Classificação: Livre
Preço: Grátis - Ingressos 1 hora antes

Berenices: Teatro de animação e de máscaras sobre Berenice e seu encontro consigo mesma.
Autoria e direção geral: Verônica Gerchman
Datas: 22/06 a 30/06
Horários: Sáb e Dom 16h
Duração: 60 min
Classificação: Livre
Preço: Grátis - Ingressos 1 hora antes

O Princípio do Espanto: Homem e boneco em uma relação sem palavras neste espetáculo feito para refletir.
Direção, criação e atuação: João da Silva Araujo
Datas: 21/06 a 30/06
Horário: Sex e Sáb 21h; Dom 19h
Duração: 50 min
Classificação: 14+
Preço: Grátis - Ingressos 1 hora antes