Barra de Impressão

São Paulo Urbanismo


  • Início
  • Secretarias
  • Urbanismo e Licenciamento / SP Urbanismo / CEPAC


    CEPAC

    Perguntas e Respostas

    1 – O que é o CEPAC?
    Os CEPAC (Certificados de Potencial Adicional de Construção) são valores mobiliários emitidos pela Prefeitura do Município de São Paulo, por intermédio da SP URBANISMO, utilizados como meio de pagamento de contrapartida para a outorga de Direito Urbanístico Adicional dentro do perímetro de uma Operação Urbana Consorciada. Cada CEPAC equivale a determinado valor de m² para utilização em área adicional de construção ou em modificação de usos e parâmetros de um terreno ou projeto.

    2 – Como posso adquirir os CEPAC?
    Os CEPAC podem ser adquiridos de duas formas:

    * Em leilões realizados no Mercado de Balcão Organizado da BOVESPA. Os editais dos leilões são publicados no Diário Oficial da Cidade de São Paulo e em jornal de grande circulação;
    * No mercado secundário, por meio de corretoras de valores.

    3 – É possível utilizar o CEPAC de uma Operação Urbana em outra?
    Não. Embora o princípio de funcionamento seja similar, o CEPAC possui regras de utilização diferentes para cada Operação Urbana, que constam nas respectivas Leis Municipais. Assim, o CEPAC é de uso exclusivo dentro do perímetro da Operação Urbana a que pertence.

    4 – Como calcular quantos CEPAC devem ser adquiridos para aprovar meu projeto?
    Cada Operação Urbana possui uma tabela de conversão de CEPAC x m² para cada tipo de uso e/ou região. Esta tabela faz parte da Lei da Operação Urbana e pode ser consultada no Prospecto da Operação Urbana, disponível para download no site da SP URBANISMO.

    5 – Se o estoque de m² de um setor da Operação Urbana estiver esgotado, o CEPAC perde a validade?
    Não. Se o estoque de m² de um determinado setor e/ou uso estiver esgotado, o CEPAC poderá ser utilizado em outro setor e/ou uso, sempre dentro do perímetro da Operação Urbana.

    6 – O CEPAC tem prazo de validade?
    Não. O direito outorgado pelo CEPAC é válido enquanto durar a vigência da Lei da Operação Urbana ou o seu esgotamento dos estoques de m² totais.

    7 – Posso vincular CEPAC ao meu terreno mesmo sem ter o projeto da edificação?
    Sim. A vinculação de CEPAC serve para assegurar a utilização do estoque de área adicional de construção. Mesmo que não tenha o projeto da edificação definido é necessário, no mínimo, informar qual o uso pretendido e a quantidade de metros quadrados adicionais que se pretende utilizar.

    8 – Posso vender meus CEPAC a outro interessado?
    Sim, pois o CEPAC é um titulo mobiliário “ao portador”. Ele pode ser comercializado no chamado “mercado secundário” mediante contrato específico, normalmente elaborado por corretoras de valores.

    9 – Como são gastos os recursos obtidos com a venda de CEPAC?
    Os recursos obtidos com a venda de CEPAC são utilizados exclusivamente para o pagamento das intervenções previstas na Lei da Operação Urbana. As propostas para as intervenções são previamente apresentadas e aprovadas nas reuniões dos Grupos de Gestão.

    10 – Como são priorizadas as obras a serem financiadas com os recursos obtidos com a venda dos CEPAC?
    As intervenções que compõem a Operação Urbana constam da respectiva Lei Municipal. Cabe ao Grupo de Gestão da Operação Urbana avaliar as propostas e priorizar as intervenções que farão parte das futuras distribuições de CEPAC. Se você tem outras dúvidas sobre o CEPAC, escreva para faleconosco@spurbanismo.com.br


    << voltar


    • Copyright
    • SAC