Seu navegador não suporta javascript!
Barra de Impressão

Secretaria Municipal de Trabalho e Empreendedorismo


  • Início
  • Secretarias
  • Trabalho / Notícias


    19/04/2017 19h12

    Adesampa encerra mais um ciclo de capacitação para geração de emprego e renda

    Iniciativa faz parte do projeto Criado em Sampa e ofereceu técnicas de gestão de negócios para empreendedores de Ermelino Matarazzo

    Por: Andréa Garbim

    Na última terça-feira (18), 25 empreendedores da região de Ermelino Matarazzo encerraram o curso de formação “Acelerando Negócios Culturais e Criativos” oferecido pela Agência São Paulo de Desenvolvimento (Adesampa), braço da Secretaria Municipal de Trabalho e Empreendedorismo (SMTE) no Programa Empreenda Fácil. O curso faz parte do “Criado em Sampa”, que é um conjunto de projetos de economia criativa de base comunitária desenvolvido em parceria com o British Council e o Fundo Newton. A capacitação abrange técnicas de gestão de negócios para o aprimoramento da atuação empreendedora nas regiões consideradas prioritárias da cidade de São Paulo.

    O secretário municipal de Trabalho e Empreendedorismo, Eliseu Gabriel, participou do encerramento do curso que aconteceu na sede da Prefeitura Regional de Ermelino Matarazzo. Ao seu lado, o prefeito regional, Arthur Xavier; o chefe de gabinete, Carlos Antonio Martins; o coordenador de política local, Thiago André Estanislau; o diretor técnico da Adesampa, Marcelo Chueiri; as agentes de desenvolvimento local da Adesampa Vilma Lopes e Daniela Soares e a orientadora da turma Simone Ciraque.

    Eliseu Gabriel ressaltou que a SMTE e a Adesampa realizam uma série de ações de estímulo à geração de emprego e renda, à economia criativa e solidária, além de implementar políticas públicas de fortalecimento do empreendedorismo na cidade de São Paulo. “Além da continuidade desses cursos, estamos organizando um espaço em cada prefeitura regional para direcionar o atendimento aos empreendedores”.

    Na oportunidade, Chueiri salientou que abrir o próprio negócio é uma grande alternativa para o atual cenário econômico. “Mas para a ideia dar certo é preciso capacitação e é isso que a Adesampa está oferecendo”.

    Desde o início do Criado em Sampa, mais de 40 formações foram concluídas em diversas regiões da capital paulista. Ao todo, 659 empreendedores foram capacitados. A maioria dos participantes vem dos segmentos de artes visuais, artesanato, cinema, música e moda.

    A artesã Andréia Kusaba, que cria bonecas de tecido personalizadas e exclusivas, procurou o curso para aprimorar o conhecimento na gestão da imagem. “No segundo dia do curso eu já enxerguei que a minha empresa é capaz de fornecer um produto inédito no mundo. As bonecas não me deixam mentir”.

    A orientadora Simone Ciraque ressaltou que essa turma de Ermelino Matarazzo contou com empreendedores que estão em diferentes estágios. “Uns com processos de mudança de negócios, outros ainda com dúvidas sobre qual segmento de mercado vão atuar, mas todos eles têm a ânsia de buscar conhecimento e preparo”.

    Há oito anos, a empreendedora Jaqueline dos Santos faz doces e salgados em casa. Ela descobriu a paixão quando, por motivos de saúde, precisou mudar a alimentação da família. “Eu já tinha o hábito de consumir produtos naturais, mas tinha dificuldade de enxergar a minha atividade como um diferencial. O curso me ajudou a ter um novo olhar para o meu trabalho”.

    O prefeito regional disse que já está sentindo os efeitos da iniciativa. “Esse é um curso que visa o desenvolvimento local, sobretudo dos territórios vulneráveis, e isso é um presente para a nossa região e um grande incentivo para a população”, completou Arthur.

     Siga a SMTE nas redes sociais 

         


     


    • Copyright
    • SAC