Share

Programa de Coleta Seletiva

Foto: Divulgação


Pontos de Entrega Voluntária (PEVs)
Veja a lista completa dos Ecopontos da cidade

O Programa de Coleta Seletiva da Prefeitura de São Paulo conta atualmente com 31 Centrais de Triagem que possibilitam a geração de renda, emprego e inclusão social para cerca de 1.100 pessoas, de 23 cooperativas conveniadas e oito certificadas, que estavam à margem da sociedade. O programa tem como objetivo realizar a reciclagem de papel, plástico, vidro e metais, resíduos estes, que depois de serem recolhidos, são encaminhados para as centrais das cooperativas de catadores conveniadas e para as duas primeiras centrais mecanizadas da história da cidade, inauguradas em meados de 2014, pela Prefeitura de São Paulo, que darão a destinação correta ao resíduo, gerando emprego, renda e preservando o meio ambiente.

Regiões atendidas
Dos 96 distritos existentes no Município de São Paulo, atualmente, 93 são contemplados pela Coleta de Materiais Recicláveis realizada pelas cooperativas conveniadas e pelas concessionárias, ficando a coordenação das mesmas sob a responsabilidade da Secretaria Municipal de Serviços, por intermédio da Autoridade Municipal de Limpeza Urbana (Amlurb), estabelecendo normas e procedimentos para sua implementação, gerenciamento, fiscalização e controle.

Os munícipes podem consultar no site das empresas e verificar o dia e horário da coleta. Os resíduos poderão ser disponibilizados em vias públicas, este procedimento é correto, pois o dia e período da coleta seletiva difere da coleta dos resíduos orgânicos.

• LOGA -
Atende às subprefeituras: Butantã, Freguesia do Ó, Lapa, Mooca, Perus, Pinheiros, Jaraguá, Santana/Tucuruvi e Sé. Pesquise aqui sua rua.
www.loga.com.br - 0800-770 11 11


• ECOURBIS - Atende às subprefeituras: Aricanduva / Formosa, Campo Limpo, Cidade Ademar, Cidade Tiradentes, Ermelino Matarazzo, Ipiranga, Jabaquara, M’Boi Mirim, Parelheiros, Santo Amaro, Vila Mariana e Vila Prudente. Pesquise aqui sua rua.
www.ecourbis.com.br - 0800-772 79 79

Pontos de Entrega Voluntária (PEV)
Além da coleta porta a porta, a Prefeitura conta também com aproximadamente 1.800 PEV´s instalados em locais específicos para receber o material reciclável.

Como participar da Coleta Seletiva?
Se a sua rua for contemplada pela coleta porta a porta o munícipe pode participar do programa da seguinte forma:
Reserve na sacola bioplástica na cor verde apenas os resíduos destinados à coleta seletiva, como: papel, plástico, vidro e metais e disponibilize-o em até duas horas de antecedência da passagem da coleta na sua rua. Vale ressaltar que não é necessária a separação do material reciclável por tipo, pois os mesmos serão separados pelas cooperativas no momento da triagem.


Dicas de como separar o lixo para coleta

- Plástico: Lave-os para que não sobre restos do produto, principalmente no caso de detergentes e xampus, que podem dificultar a triagem e o aproveitamento do material. No caso de embalagens com tampas, retire-as;
- Vidros: Lave-os e retire as tampas;
- Metais: Latinhas de refrigerantes, cervejas e enlatados devem ser amassados ou prensados para facilitar o armazenamento;
- Papéis: Podem ser guardados diretamente em sacos plásticos.

Informações  importantes
- Nunca mande pela coleta seletiva outros itens que não sejam papel, plástico, vidro e metais;
- No caso de vidro quebrado, embale-o em um jornal para evitar possíveis acidentes ao coletor;
- Procure enviar os produtos sempre soltos, sem nenhum material dentro, em uma sacola.
- No caso de muitos itens, opte por abrir as caixas e reduzir o espaço, como embalagens longa vida que podem ser compactadas.

 

Ciclo da Coleta Seletiva


 

Quais materiais são encontrados no lixo comum, mas que podem ser reciclados?

• Plásticos
- Garrafas, embalagens de produtos de limpeza
- Potes de cremes, xampus
- Tubos e canos
- Brinquedos
- Sacos, sacolas e saquinhos de leite
- Papéis plastificados, metalizados ou parafinados (embalagens de biscoito, por exemplo)

• Alumínio
- Latinhas de cerveja e refrigerante
- Esquadrias e molduras de quadros

• Metais ferrosos
- Molas e latas

• Papel e papelão
- Jornais, revistas, impressos em geral
- Caixas de papelão
- Embalagens longa-vida

• Vidro
- Frascos, garrafas
- Vidros de conserva. Materiais não recicláveis
- Cerâmicas
- Vidros pirex e similares
- Acrílico

A coleta seletiva em São Paulo
Para dar a destinação correta aos resíduos recicláveis e para absorver um volume maior de resíduos, como preconiza o Plano Nacional de Resíduos Sólidos, o município também aumentou sua capacidade de reciclagem. Além da inauguração das duas primeiras centrais mecanizadas, em Santo Amaro e Ponte Pequena e mais duas  que estão previstas, a cidade também conta com o apoio de mais 31 grupos de cooperativas credenciadas que contribuem para o Programa de Coleta Seletiva.

Conheça o funcionamento das Centrais Mecanizadas de Triagem:
Veja aqui o funcionamento da Central Mecanizada do Ponte Pequena

Veja aqui o funcionamento da Central Mecanizada de Santo Amaro
 
Para dúvidas, entre em contato com a Central de Atendimento da Prefeitura Municipal de São Paulo pelo telefone 156.