logo da secretaria da saúde

VIOLÊNCIA NO AMBIENTE DE TRABALHO

A violência tem rosto, tem nome e sua caracterização: Assédio,Bulling, discriminação e agressão.

Qual o motivo do Projeto e da Pesquisa?


A CGP-SMS-G, em virtude de uma demanda oriunda do Ministério Público, do Sindicato dos médicos e por ocasião das inúmeras denúncias de violência que recebe através da Ouvidoria SUS e pessoalmente, atentou-se para a necessidade em se conhecer mais profundamente o perfil da violência na SMS.
Por este motivo, delineou um projeto que visa traçar o perfil da violência no âmbito da SMS, com todos os seus trabalhadores, independente do vínculo. Ou seja, qual a violência mais preponderante no âmbito do trabalho em saúde (assédio moral, assédio sexual, bulling etc), qual o profissional que está mais vulnerável e susceptível aos eventos de violência, qual o conhecimento que os trabalhadores têm dos mecanismos de denúncia e protetivos entre outros aspectos. O objetivo final, além de traçar o perfil da violência, é a criação de uma política secretarial e ferramentas para mitigar os casos de violência, permitindo a resolução dos casos de violência e o acompanhamento das denúncias até o desfecho final.
Um passo já foi dado, a parceria conseguida pela Área Técnica da Saúde do Trabalhador com dois CRST, especializados no atendimento de vítimas de violência, e o outro é o apoio do Secretário Padilha (que elencou esse como um dos projetos de importância a ser executado), da mesa de negociação e das diversas entidades de classes profissionais.
No entanto, para o sucesso efetivo do projeto há a necessidade de participação massiva dos trabalhadores. E, para isso precisamos da sensibilização, ampla divulgação e capilarização desta iniciativa.
A elaboração deste perfil será através de um questionário preenchido via FormSUS, o qual preserva a identidade do voluntário e só será disponibilizado e respondido on line, através de qualquer computador.
Para isso é necessário o apoio e a ajuda de vocês, para que um maior número de trabalhadores da SMS tenha conhecimento desse projeto, acesso a iniciativa e participem preenchendo o questionário.

http://formsus.datasus.gov.br/site/formulario.php?id_aplicacao=24157