Rede de Atendimento Cartilha Mulheres no Conselho

Veja também

Lugar de mulher em situação de violência não é só Delegacia

Os avanços conquistados pela Lei Maria da Penha (Lei 11.340/2016) tornam-se invisíveis pela proposta de alteração do PL Projeto de Lei 07/2016, para a qual, infelizmente, movimentos sociais e feministas e gestoras de políticas da área não foram chamadas a contribuir.

Iluminação de LED amplia a segurança das mulheres na cidade

Foram entregues 5.900 pontos de iluminação no Jardim Helena, com um investimento de R$21 milhões pela PMSP. Com um dos maiores programas de iluminação que a cidade já teve, a entrega contou com a presença do prefeito Fernando Haddad, do Secretário de Serviços Alberto Serra, Subprefeito de São Miguel Paulista Tim Maia, o ex-secretário municipal de Serviços Simão Pedro, jovens do coletivo “Trem” e cidadãs e cidadãos moradoras/es da região.

Nova resolução do Conselho Federal de Medicina permite a realização da cesariana somente a partir da 39ª semana de gravidez

Já está valendo a Resolução 2144/2016 do Conselho Federal de Medicina (CFM), publicada em 22 de junho de 2016, no Diário Oficial da União, que define os novos critérios para cesariana “a pedido da paciente”: a cesariana somente poderá ser realizada a partir da 39ª semana de gestação e a grávida deve ter sido previamente orientada sobre as implicações da opção pela cesariana. “A Resolução é importante porque coloca em discussão o grande número de cesarianas realizadas sem necessidade no Brasil”, afirma Denise Motta Dau, secretária Municipal de Políticas para as Mulheres.

Prevenção e combate ao assédio sexual na Administração Pública Municipal de São Paulo

O Projeto de Lei 83/2016, sobre a prevenção e o combate ao assédio sexual na Administração Pública Municipal de São Paulo, foi aprovado pela Câmara Municipal em 21 de junho de 2015. O PL foi construído pela Secretaria Municipal de Políticas para as Mulheres, a Secretaria Municipal dos Negócios Jurídicos, Secretaria Municipal de Gestão e Controladoria Geral do Município, a partir do diálogo com sindicatos e com servidoras e servidores.

Secretária Denise Motta Dau visita Centro de Cidadania da Mulher da Capela do Socorro

O serviço foi reformado para ampliar a qualidade no atendimento. Mais de 70 mulheres que utilizam o serviço participaram da atividade com Roda de Conversa com a Secretária da SMPM.

Zona Sul ganha Centro de Atendimento a mulheres vítimas de violência

A SMPM inaugurou, em 3 de junho de 2016, o CRM Maria de Lourdes Rodrigues, em Capão Redondo, com a presença do Prefeito Fernando Haddad, da secretária Denise Motta Dau, da ex-ministra de políticas para as mulheres Eleonora Menicucci, de Ana Estela Haddad, primeira-dama e coordenadora do São Paulo Carinhosa, de Djamila Ribeiro, secretária adjunta da SMDHC, e de várias mulheres de movimentos sociais e feministas da região. Mais uma conquista da gestão Haddad para as mulheres da cidade de SP!

Se a mentalidade sexista não for eliminada, os estupros não cessarão!

A SMPM solidariza-se com C.P., 16 anos, sua família e com todas as mulheres que sofrem violência. A adolescente foi vítima de estupro coletivo na cidade do Rio de Janeiro.

SMPM comemora a reforma do Centro de Referência da Mulher Casa Brasilândia, na zona Norte

Para oferecer melhor qualidade em todos os serviços de atendimento psicológico, social e jurídico às mulheres em situação de violência, a Secretaria Municipal de Políticas para as Mulheres reformou totalmente o CRM Casa Brasilândia, que também recebeu mobiliários novos. Em 23 de maio de 2016, a secretária Denise Motta Dau visitou o CRM e ressaltou que, desde a inauguração em 2003, o local não havia passado por manutenção, a não ser uma pintura há oito anos.

Medida Provisoria extingue Ministerio das Mulheres,Igualdade Racial e Direitos Humanos

Com grande preocupação, a SMPM lamenta a extinção do Ministério das Mulheres, da Igualdade Racial e dos Direitos Humanos. Desde a criação de um órgão específico para a construção de políticas para as mulheres na Presidência da República, em 2003, os municípios e estados recebem apoio para a promoção de vários projetos e ações que fortalecem e qualificam as políticas de gênero e combatam todas as formas de preconceito e discriminação. Além disso, fomentou a criação de órgãos de políticas para as mulheres nos municípios e estados.

Seminário Sexualidades: Novos olhares, novas perspectivas

No Dia Internacional contra a Homofobia, 17 de maio, a Secretaria Municipal de Políticas para as Mulheres realizou um seminário sobre diversidade sexual (transexualidades, homo e bissexualidades), sexualidade na perspectiva feminista, violência sexual, sexualidade em educação, entre outros, para estudantes e profissionais da saúde, educação, assistência e desenvolvimento social do município de São Paulo. Um dia todo de muito debate, conversa e reflexão. Confira!