CMPD promove campanha Novembro Azul para homens com deficiência

Plenária do Conselho Municipal da Pessoa dedicada a prevenção do câncer de próstata acontece dia 11 de novembro, na Câmara Municipal de São Paulo

O Conselho Municipal da Pessoa com Deficiência de São Paulo promoveu no dia 11 de novembro, sua Plenária mensal voltada à campanha mundial “Novembro Azul”, mês dedicado às ações de conscientização à saúde do homem, com ênfase na prevenção e no diagnóstico precoce do câncer de próstata.
 

Novembro azul


Com apoio do Instituto Lado a Lado pela Vida, Associação Paulista para o Desenvolvimento de Medicina e das Secretarias Municipais da Pessoa com Deficiência (SMPED) e Saúde (SMS), o evento ofereceu palestras informativas sobre a prevenção do câncer de próstata.

Segundo dados do Instituto Nacional do Câncer (INCA), o câncer de próstata é o segundo mais comum entre os homens no Brasil, fica atrás apenas do câncer de pele não-melanoma.

O secretário municipal da Pessoa com Deficiência, Cid Torquato, ressalta a importância desta iniciativa: “Estimular a prevenção do câncer de próstata, principalmente a homens com deficiência, é essencial para atenção a saúde masculina”, falou o secretário.

O evento foi na Câmara Municipal de São Paulo, no Auditório 1° de Maio, e contou com recurso de acessibilidade de Libras.

Sobre o Novembro Azul – A campanha internacional começou na Austrália, em 1999, quando alguns amigos deixaram o bigode crescer durante todo o mês com objetivo de dar visibilidade e apoio da saúde masculina e ajudar na arrecadação de fundos a instituições de caridade. O mês de novembro foi o escolhido justamente por comemorar no dia 17, Dia Mundial de Combate ao Câncer de Próstata.