SMPED

Mês de Luta pelos Direitos das Pessoas com Deficiência terá programação especial

Feira de emprego, caminhada no Ibirapuera, workshops, debates e diversas atividades integram calendário de ações.

Setembro, que começou com as multas para que estacionar em vaga reservada em locais privados, é simbólico para as pessoas com deficiência. No mês, são comemorados o Dia da LIBRAS (10), Dia Nacional do Cego (17), Dia Nacional de Luta pelos seus Direitos (21) e o Dia Nacional do Surdo (26). Em celebração a causa, a Prefeitura de São Paulo, por intermédio das Secretarias Municipais da Pessoa com Deficiência (SMPED), Cultura, Esportes e Lazer, Mobilidade e Transportes, Verde e Meio Ambiente, Inovação e Tecnologia, Direitos Humanos, Saúde, além da Controladoria Geral do Município, promoverá uma programação intensa durante todo o mês. A proposta é difundir a importância da inclusão e da garantia aos direitos deste segmento.
 
 

Mês de Luta pelos Direitos das Pessoas com Deficiência

O calendário contará também com a participação de entidades como a Associação de Surdos de São Paulo, Centro Cultural Cidade Tiradentes e Câmara de Comércio LGBT.

“É o momento de celebrarmos os avanços que alcançamos no que diz respeito aos direitos das pessoas com deficiência e ainda de refletirmos sobre as barreiras e desafios para tornar a sociedade mais inclusiva”, ressalta o secretário municipal da Pessoa com Deficiência, Cid Torquato.

Ações

Na abertura dos eventos do mês, no dia 02, tomam posse os novos membros do Conselho Municipal da Pessoa com Deficiência Biênio 2018-2020. Durante a reunião, será eleito o novo presidente da entidade. A posse acontecerá a partir das 13h, na Praça das Artes, à Avenida São João, 281, região central.
Outro destaque será os relógios digitais de rua espalhados pela cidade, que vão exibir frases alusivas ao Dia Nacional da Luta da Pessoa com Deficiência, na semana de 18 a 23.09. A proposta é chamar a atenção da população para a importância das ações que garantam acessibilidade.

As ações do Setembro Azul, voltadas aos públicos com deficiência auditiva e surdos, também integram a programação de Luta pelos Diretos das Pessoas com Deficiência. Palestras sobre a Língua Brasileira de Sinais (Libras) e contações de histórias complementam as comemoração ao Dia Nacional da Libras.

E entre os dias 16 e 18, acontece a Feira Mobility & Show, no Campo de Marte, zona norte da cidade. A prefeitura de São Paulo vai participar com stand no local, que terá ações das Secretarias Municipais da Pessoa com Deficiência e Mobilidade e Transportes. Em 2016, a Feira abriu suas portas para quase 6 mil visitantes.
Parte importante da programação será o Dia D de Inclusão do Trabalho Edição 2017. A feira de emprego voltada aos profissionais com deficiência acontecerá no dia 29, na Universidade Nove de Julho (Uninove), unidade Vergueiro. Trata-se de uma oportunidade para se motivar o cumprimento da lei de cotas.

O mês de Luta pelas Pessoas com Deficiência terá também um Bike Tour, participação na Virada Esportiva, Contação de Histórias em Libras para Crianças, sessão da peça O Sonho de Tatiana, corrida/caminhada no Parque do Ibirapuera, entre outros (calendário em anexo).

Dia Nacional de Luta pelos Direitos das Pessoas com Deficiência

Instituído em 1982 por movimentos sociais, e oficializado com a Lei Federal nº 11.133/2005, 21 de setembro foi escolhido o Dia Nacional da Luta das Pessoas com Deficiência pela proximidade da primavera e do Dia da Árvore, representando o nascimento das reivindicações de cidadania e participação plena em igualdade de condições. A data foi criada para chamar a atenção para a inclusão das pessoas com deficiência.

Serviço: Programação comemorativa – “Setembro: Mês de Luta pelos Direitos das Pessoas com deficiência”
Data: 01 a 30 de setembro
Programação: www.prefeitura.sp.gov.br/pessoacomdeficiencia