Seu navegador não suporta javascript!
Barra de Impressão

Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania


  • Início
  • Secretarias
  • Direitos Humanos / Notícias


    09/01/2017 11h55

    “Vamos intensificar o treinamento em direitos humanos da GCM e combater todos os excessos contra moradores de rua”, explica secretária

    O compromisso foi feito durante coletiva que anunciou o emprego para Reginaldo Ruas, irmão do vendedor de doces, Luiz Carlos Ruas

    Imagem do post

    Secretária Patrícia Bezerra durante coletiva na última sexta-feira

     A nova secretária de Direitos Humanos e Cidadania do Município de São Paulo, Patrícia Bezerra, afirmou, durante coletiva realizada na última sexta-feira, 6, na sede da Prefeitura, que vai intensificar o treinamento em direitos humanos para a Guarda Civil Metropolitana. A informação foi uma resposta ao vereador Eduardo Suplicy em relação à preocupação com a abordagem que a população em situação de rua receberá na atual gestão.

    “Estamos trabalhando para aprimorar cada vez mais o cuidado com a população em situação de rua. A Secretaria de Direitos Humanos possui um comitê que trabalha para que os excessos sejam apurados e combatidos. Também pretendemos ampliar o treinamento em direitos humanos da Guarda Civil Metropolitana para que possamos alcançar toda a corporação”, explicou Patrícia Bezerra.

    Na coletiva, a Prefeitura de São Paulo informou que disponibilizou vaga de emprego para Reginaldo Ruas, irmão do vendedor de doces, Luiz Carlos Ruas, o “Índio”, espancado até a morte no último dia 25 de dezembro após defender duas travestis que eram agredidas na estação do metrô D. Pedro II.

    O anúncio foi realizado pelo prefeito João Dória, acompanhado dos secretários Patrícia Bezerra, de Direitos Humanos, Soninha Francine, da Assistência e Desenvolvimento Social, e Eliseu Gabriel, do Trabalho e Empreendedorismo, além do vereador Eduardo Suplicy e do padre Júlio Lancellotti, da Pastoral do Povo de Rua.


    • Copyright
    • SAC