Logo - Cultura

Aniversário do CCJ Ruth Cardoso terá show de Funk como Le Gusta com participação de Edi Rock

Centro Cultural localizado na Vila Nova Cachoeirinha comemora seus 11 anos com programação especial nos dias 25 e 26 de março

Inaugurado em 27 de março de 2006, atendendo à demanda e à mobilização da comunidade local, o Centro Cultural da Juventude Ruth Cardoso (CCJ) se tornou um espaço de referência na cidade, ao incluir o jovem como promotor das atividades culturais do espaço, e não como mero espectador. Celebrando os seus 11 anos de existência, o CCJ Ruth Cardoso apresenta uma programação especial de aniversário nos dias 25 e 26 de março.
Entre os destaques está a banda Funk como Le Gusta, que faz o show de encerramento no dia 26, apresentando canções do CD “A Nave Mãe Segue Viagem” (2015). Em atividade desde 1998, o Funk como Le Gusta mistura samba rock, black music e música latina. O show conta com a participação especial do rapper Edi Rock, integrante do grupo Racionais e que também possui uma carreira solo, na qual gravou o dueto “That’s My Way”, com Seu Jorge, e lançou o álbum "Contra Nós Ninguém Será".
A programação inclui também uma aula aberta de samba rock, com Ricardo Lisak, e uma oficina de confecção de ioiô no dia 25, além de uma oficina de malabares com o Grupo Irmãos Becker, no dia 26. Após a oficina de malabares, é apresentado o espetáculo circense “O Mundo dos Irmãos Beckers”, performance da mesma companhia e que promete muita interação com o público. Pensando no público infantil, o CCJ Ruth Cardoso apresenta a contação de histórias “Passarinho Contou”, com Thayame Porto e Bruno Terra, e a peça “O Sítio dos Objetos”.
O projeto Alameda: Arte de Rua, que dá nova cara ao espaço, chamou o Questione Crew (Joks e Sapiens), dupla de grafiteiros da Brasilândia (Zona Norte), para a realização de um novo painel de grafite, que é inaugurado no dia 25. Participaram da ação também o grupo Clandestinos Crew (Smoky e Shalak).

No Calçadão Douglas Rodrigues, a performance “Quer dançar comigo 1 minuto” provoca uma reflexão poética nos visitantes com base no improviso. O performer Caco Mattos fará a abordagem e convidará as pessoas para criar uma coreografia e forma espontânea no dia 26, às 15h.

Serviço: Centro Cultural da Juventude Ruth Cardoso - Av. Deputado Emílio Carlos, 3.641, Vila Nova Cachoeirinha. Próximo do Terminal de Ônibus Cachoeirinha. Zona Norte. | tel. 3984-2466. Dias 25 e 26/3. Grátis


CONFIRA A PROGRAMAÇÃO COMPLETA:

ALAMEDA ARTE DE RUA | QUESTIONE CREW CONVIDA CLANDESTINOS
Para comemorar o aniversário de 11 anos do CCJ retomamos o projeto Alameda: Arte de Rua com grupo Questione Crew (Joks e Sapiens), graffiteiros da Brasilândia, zona norte de São Paulo, convidando Clandestinos Crew (Smoky e Shalak) para fazer um novo painel de Graffiti no CCJ Ruth Cardoso. Com temas que retratam questões sociais, culturais e grande importância da natureza e da relação do ser humano.
Ideia inicial do projeto é construir um painel de forma coletiva utilizando temáticas brasileiras e engajadas e valorizar a cultura nacional utilizando de uma expressão artística reconhecidamente como movimento moderno mundial que é a arte de rua.
Abertura: Dia 25/03, sábado, 10h. Alameda.
Visitação: Durante o horário de funcionamento do CCJ Ruth Cardoso: de terça a sábado, das 10h às 22h; domingos e feriados, das 10h às 18h.
Livre para todos os públicos. Não é necessário retirar ingresso.

CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS "PASSARINHO CONTOU"
Passarinho Contou que todo mundo pode sonhar! E que cada sonho tem uma história pra lá de incrível. Qual é a sua? Vamos partilhar nossos sonhos, ao sabor de curiosas histórias, leituras e canções.
O Passarinho Contou acontece em uma Kombi com muitos livros, uma contadora de histórias e um cavaquinista; um trabalho que reúne histórias, leituras e canções e sua principal missão é o espalhamento da leitura.
Com Thayame Porto e Bruno Terra.
Dia 25/03, sábado, 11h. Calçadão Douglas Rodrigues.
Livre para todos os públicos. 45 minutos. Não é necessário retirar ingresso.

OFICINA DE CONFECÇÃO DE IOIÔ
Na oficina de confecção de ioiô você vai apreender a customizar seu próprio ioiô e fazer manobras, no final vai poder levar seu brinquedo para casa, e teremos uma apresentação com as principais manobras, acompanhado de muita música.
Dia 25/03, sábado, 13h. Área de Convivência.
Não recomendado para menores de 10 anos. 120 minutos. 60 vagas. Inscrições na recepção do CCJ Ruth Cardoso 1 hora antes da atividade.

O SÍTIO DOS OBJETOS
O Sítio dos Objetos é um espetáculo que conta a história de um Solitário, caipira que tem os animais de seu sítio como companheiros, entre eles o cavalo xucro que se recusa a puxar a carroça, o cão Tato sempre pulando sobre seu dono, os pássaros que comem as sementes e a lagarta que come a plantação.
No cenário do Sítio os utensílios domésticos – luvas, garfos, espremedores de frutas, escorredores de arroz e outros, transformam-se em galinha, vaca, pato ou pavão, que vivem situações divertidas e engraçadas.
Dia 25/03, sábado, 15h. Área de Convivência.
Livre para todos os públicos. 45 minutos. Não é necessário retirar ingresso.

AULA ABERTA DE SAMBA ROCK
Ricardo Lisak apresenta um repertório de músicas próprias baseado no samba rock, swing, gafieira, mistura de gêneros com muito ritmo e balanço com toques de originalidade, interpretações de grandes clássicos em novos e modernos arranjos dentro de uma releitura instrumental inovadora, com influência de Jorge Ben Jor, Wilson Simonal, Tim Maia, Djavan, Seu Jorge.
Dia 25/03, sábado, 16h. Anfiteatro.
Livre para todos os públicos. 180 minutos. Não é necessário retirar ingresso.


CLARIANAS
O CCJ recebe o grupo musical “Clarianas” formado por 3 cantoras/atrizes, um rabequeiro/violonista e uma percussionista, que tem como mote principal a investigação da voz da mulher “ancestral” na música popular do Brasil, a partir do contexto da música de tradição popular, dos cantos caboclos de matriz africanordestina-indígena-periférica, das comunidades brasileiras.
Com um repertório de 15 canções autorais e 01 do cantor/compositor Chico César, o disco “Girandêra”, é um apanhado sonoro, que vai desde o aboio sertanejo até o samba-de-roda, passando pelas brincantes de côco, ladainhas do catolicismo popular, cânticos indígenas, maracatu-baque-virado, baião, rezas e tambores.
Dia 25/03, sábado, 20h. Anfiteatro.
Livre para todos os públicos. 80 minutos. Não é necessário retirar ingresso.

OFICINA DE MALABARES
A oficina propõe trabalhar técnicas de malabares desenvolvendo o controle corporal, coordenação motora, equilíbrio e concentração dos participantes.
Com o Grupo Irmãos Becker.
Dia 26/03, domingo, 13h. Calçadão Douglas Rodrigues.
Não recomendado para menores de 14 anos. 50 minutos. 20 vagas. Inscrições na recepção do CCJ Ruth Cardoso 1 hora antes da atividade.

O MUNDO DOS IRMÃOS BECKER
O Grupo Irmãos Becker explora diversas possibilidades do malabarismo, tanto na diversidade dos materiais quanto na interação e interferência do público. Espetáculo com música ao vivo onde a trilha sonora enfatiza os momentos cômicos. Uma performance à base de uma total interação com o público, técnica delirante e muita alegria!
Com Grupo Irmãos Becker.
Dia 26/03, domingo, 14h. Calçadão Douglas Rodrigues.
Livre para todos os públicos. 50 minutos. Não é necessário retirar ingresso.

QUER DANÇAR COMIGO 1 MINUTO?
"Quer dançar comigo 1 minuto?" provoca uma pausa poética no cotidiano das pessoas, estabelecendo um jogo no aqui e agora. Nada é programado. O performer estará vulnerável à situação do momento, assim como seu convidado. A dança, ou até mesmo a coreografia, se acontecer, acontecerá naquele momento. A investigação tem por objeto a conexão e o encontro entre as pessoas, mesmo que seja um minuto de dança. Nesse minuto, muita coisa pode acontecer. Criação e atuação: Caco Mattos. Provocador musical: Hugo Henrique Palhares.
Dia 26/03, domingo, 15h. Calçadão Douglas Rodrigues.
Livre para todos os públicos. 50 minutos. Não é necessário retirar ingresso.

FUNK COMO LE GUSTA + EDI ROCK
O FCLG, a big band Funk Como Le Gusta e seu naipe de sopros alucinante, ritmos fortes e africanos, sua música dançante e inebriante, brasileiríssima, está com um novo álbum e muito alto astral. São 17 anos de muito groove e suíngue.
O novo álbum “A Nave Mãe Segue Viagem” confirma essa caminhada. Um álbum delicioso pra curtir do começo ao fim. Com músicas como “AutoCarro Veloz”, que abre com o baixo marcando o clima e voltando forte com cara de Tim Maia Racional em “Você Verá”.
A banda ainda convida para subir ao palco Edi Rock, rapper e compositor paulista brasileiro. Figura sem dúvida entre os mais importantes poetas do país, além do reconhecimento notório no hip-hop.
Dia 26/03, domingo, 17h. Arena.
Livre para todos os públicos. 100 minutos. 600 lugares. Não é necessário retirar ingresso.