14/03/2017 14h40

Share

SMC divulga novo edital de Fomento à Dança

Após identificar incorreções em edital anterior, a Secretaria Municipal de Cultura publica novo edital que tem prazo de recebimento de projetos de 15/3 a 14/4 por meio da plataforma Spcultura

Atualização: prazo prorrogado até 5 de maio. 

Nesta terça-feira, dia 14 de março, a Secretaria Municipal de Cultura divulga o novo edital para a 22ª edição do Programa Municipal de Fomento à Dança. Serão selecionados 20 projetos de criação e circulação de dança contemporânea com os seguintes objetivos: apoiar a manutenção e desenvolvimento de projetos de trabalho continuado em dança contemporânea, fortalecer e difundir a produção artística da dança independente, garantir melhor acesso da população à dança contemporânea, entre outros.

+ Consulte aqui o novo edital (em pdf)
+ Edital em formato odt (aberto)

A inscrição deverá ser realizada até 5 de maio (prazo prorrogado), somente pela internet, por meio da plataforma Spcultura. Para tanto, é necessário cadastra-se cadastrar no portal como agentes culturais. O edital estará disponível no sítio eletrônico dentro do campo Projetos (filtro Editais). Apenas agentes com formulário de cadastro devidamente preenchido na plataforma, terão acesso ao processo de inscrição no edital. 

A seleção dos projetos será realizada por meio de uma comissão e os projetos serão classificados em dois módulos: 

Poderão enviar projetos para este edital as pessoas jurídicas localizadas em São Paulo, sendo que cada proponente poderá inscrever um único projeto, exceto cooperativas e associações com sede na cidade de São Paulo, que reúnam e representem juridicamente núcleos artísticos sem personalidade jurídica própria, sendo permitido, nestes casos, inscrever um projeto em nome de cada um destes núcleos.

No âmbito das contrapartidas, os projetos selecionados no módulo de criação deverão realizar, no mínimo, 10 apresentações do espetáculo contemplado neste edital em equipamentos da Prefeitura de São Paulo e atividades de formação abertas ao público e com acesso gratuito. As atividades contempladas no módulo de circulação realizarão, no mínimo, 20 apresentações do espetáculo, sendo 10 delas em equipamentos da Prefeitura de São Paulo e também deverão promover atividades de formação abertas ao público e gratuitas.