Teatro na Mário

Ciclo de Teatro na Biblioteca Mário de Andrade

Local: Auditório Rubens Borba de Moraes da Biblioteca Municipal Mário de Andrade – Rua da Consolação, 94, centro, São Paulo. Lotação: 170 lugares. Telefone: (11) 3775-0002 

As senhas começarão a ser distribuídas 1h antes do início das atividades.

Entrada gratuita

Em cartaz:

Espetáculo K.I. - inspirado em Dostoiévski

"K.I." (2017) é um monólogo dramático com adaptação do texto original de Fiódor Dostoiévski escrito por Daniel Guink (filho de Ginkas). Katerina Ivánovna, cujas iniciais dão o título da peça, é uma das personagens secundárias do Livro "Crime e Castigo", obra publicada em 1866, do russo Fiódor Dostoiévski (1821-1881).

A peça se desenvolve pela perspectiva de Katerina após a morte de seu segundo marido, o bêbado que aborda em uma taberna de São Petersburgo o protagonista do livro “Crime e Castigo”, em meio a passagem ele conta ser casado com Katerina Ivánovna, narrando suas desgraças.

Usando apenas o texto do romance referente a Katerina Ivánovna, Guink desloca esta personagem para o primeiro plano interpretada por Ondina Clais que reaviva essa personagem de forma única, abordando o feminino de uma outra perspectiva.

Nome dos Artistas: Ondina Clais (intérprete/diretora)
Ficha técnica: Ruy Cortez (diretor), Jéssica (produtora), Victória (produtora)

Datas de apresentação do espetáculo: 02, 09 e 16 de abril, às 19h

Foto da atriz Ondina Clais em cena


Peça "Isso não é um Sacríficio", com Fernanda D'Umbra

 O monólogo "Isso não é um Sacrifício" escrito por Fernando Bonassi e dirigido por Christiane Tricerri, com interpretação de Fernanda D'Umbra, leva como tema principal a violência, abusos e perseguição social, onde reside a intolerância de gênero e os diferentes modelos de vida.

Antes da condenação de apedrejamento surge uma mulher que foi julgada refletindo ao feminino em contraponto ao algoz masculino de força e poder. A condenação é o foco principal convidando os espectadores à uma reflexão simbólica do modelo cotidiano a que estamos impostos. Na cena aoestilo "Teatro Microfonado" a protagonista usa a voz e o corpo junto a instrumentos musicais que ressonam em uma composição única e comovente, buscando a poesia em um contexto atual.

ChristianeTricerri é atriz, diretora e produtora teatral. É integrante do Teatro Ornitorrinco há mais de 30 anos. Dirigiu nomes como Maria Alice Vergueiro, em Medea,e atuou ao lado de Raul Cortez e Zé Celso em peças como Rei Lear e Mistérios Gozosos. Seu último trabalho como atriz, diretora e produtora foi oespetáculo A Merda (La Merda), de Cristian Ceresoli.

Datas de apresentação do espetáculo: 23/04 e 30/04, às 19h

Imagem de divulgação da peça Isso não é um sacríficio, com com Fernanda D'Umbra ao centro com longa túnica bege

Programação encerrada: Clique aqui, e confira as peças que já fizeram parte do Ciclo de Teatro na Mário- 2018