Logo - Cultura

Cinema nas bibliotecas

Circuito SPCine apresenta sessões de cinema em bibliotecas de SMB. Veja também a programação local de setembro da Biblioteca Cora Coralina.

CINEMA NA CORA

RoboCop - O Policial do Futuro

RoboCop, EUA, 1987, 102 min., DVD
Direção: Paul Verhoeven. Elenco: Peter Weller, Nancy Allen, Dan O'Herlihy.
Depois de ter sido mortalmente ferido em cerco a marginais, policial transformado num misto de máquina e homem a serviço da justiça quando tem que enfrentar uma gangue disposta a dominar a cidade, sob a custódia legal de poderoso executivo.
Dia 14 de setembro às 14h30 - Biblioteca Cora Coralina

Céu Aberto
Brasil, 1985, 78 min., DVD
Direção: João Batista de Andrade.
A transição para a democracia no Brasil, incluindo a campanha das "Diretas Já" e a eleição de Tancredo Neves como presidente. O filme registra os momentos de angústia e esperança vividos pelo povo brasileiro, devido à doença de Tancredo que resultou em sua morte.
Dia 21 de setembro às 14h30 - Biblioteca Cora Coralina

Virando Bicho
Brasil, 2012, 75 min., DVD
Direção: Alexandre Carvalho, Silvia Fraiha. Elenco: Ana Deise de Souza, Carolina Fairbanks, Erick Rocha.
Seis jovens de diferentes realidades e com diferentes trajetórias de vida são acompanhados no momento em que se preparam para as provas de vestibular. Todos eles têm o mesmo desafio: Passar no rígido processo de seleção e ingressar em uma universidade.
Dia 28 de setembro às 14h30 - Biblioteca Cora Coralina


cinema

O Circuito Spcine é a rede de salas de cinema da Prefeitura de São Paulo. Com equipamentos de ponta para garantir qualidade de som e imagem, o Circuito Spcine apresenta semanalmente uma programação repleta de filmes nacionais e internacionais. O intuito do projeto é democratizar o acesso ao cinema e garantir mais telas para a produção nacional. O projeto é uma iniciativa da Spcine, empresa de cinema e audiovisual de São Paulo.

Seu complexo exibidor é formado por vinte espaços, sendo cinco em equipamentos culturais de São Paulo e quinze em Centros Educacionais Unificados (CEUs), com o objetivo de democratizar o acesso da população ao entretenimento audiovisual, expandindo a barreira geográfica do centro expandido em direção a todas as regiões da capital paulista. Geograficamente, as salas estão presentes em dezessete das trinta e duas prefeituras regionais, com prioridade para as não atendidas pelo circuito comercial de cinema.

Há espaço para filmes de todos os gêneros e formatos, do infantil ao terror, do autoral ao blockbuster. A periodicidade das sessões vai de três a seis vezes por semana com aproximadamente 200 sessões semanais. Para mais informações, acesse www.spcine.com.br