Logo - Cultura

Dicas de Leitura - Outubro

Dia do Theatro Municipal de São Paulo

Em 11 de outubro de 1911 foi inaugurado o Theatro Municipal de São Paulo. Idealizado por Ramos de Azevedo com projeto de Cláudio Rossi e desenhos de Domiziano Rossi, a casa de espetáculos possuí um estilo arquitetônico eclético com influência da Ópera de Paris. Em 1922 sediou a Semana de Arte Moderna, movimento artístico que tinha como finalidade mostrar o que havia de novo na arte fora do Brasil. O teatro ainda foi palco para o melhor da arte na época. Óperas eram o carro chefe. Com o passar dos anos, o desgaste do prédio ficou evidente e em 2008 foi fechado para reforma, abrindo três anos depois para seu centenário. O palco foi remodelado para poder receber produções que utilizam modernos mecanismos cênicos. As poltronas voltaram a ser da cor vermelha, assim como no ano de inauguração. Atualmente recebe uma grande quantidade de artistas nacionais e estrangeiros. Dança, ópera e peças teatrais são atrações no belíssimo prédio localizado no centro da capital paulista.

Muitas obras literárias são adaptadas e apresentadas em teatros do mundo todo. Veja algumas das histórias encontradas nos acervos das nossas bibliotecas:


Dicas de leitura – Theatro Municipal

O Corcunda de Notre-Dame – Victor Hugo
A história é centrada na tragédia do corcunda Quasímodo e da cigana Esmeralda. É no interior da grande catedral gótica e nos labirintos das construções de Paris que se desenrola a terrível história de paixões impossíveis de seus personagens. Victor Hugo reuniu magistralmente em seu famoso romance religiosos e vagabundos, ciganos e nobres, padres e leigos - heróis e vilões. Com poderosa imaginação criadora, Hugo desperta em seu leitor as mais variadas emoções: do profano ao sagrado, do grotesco ao sublime. A história teve várias versões cinematográficas.

Alice no País das Maravilhas – Lewis Carroll
Quando decidiu seguir um coelho que estava muito atrasado, Alice caiu em um enorme buraco. Só mais tarde descobriu que aquele era o caminho para o País das Maravilhas, um lugar povoado por criaturas que misturam características humanas e fantásticas, como o Gato, o Chapeleiro e a Rainha de Copas - e lhe apresentam enigmas.

Sherlock Holmes – Casos extraordinários – Sir. Arthur Conan Doyle
Esse volume reúne contos em que Sherlock demonstra seus métodos. Em 'A face amarela', Sherlock atende um homem com dúvidas sobre sua esposa. 'O ritual Musgrave' apresenta um dos primeiros casos resolvidos por Sherlock, envolvendo um mapa do tesouro e estranhos desaparecimentos. A 'Liga dos Cabeças-Vermelhas' trata de uma curiosa organização, que contratava apenas homens ruivos. 'O diamante azul' começa com um ganso roubado e uma estranha forma de praticar um roubo.

O homem da máscara de ferro – Alexandre Dumas
A frança estava sob o reinado de Luís XIV, um monarca vaidoso e autoritário. Aramis, ex-mosqueteiro do rei Luís XIII, pretendia livrar o país da tirania do herdeiro do trono. Ajudado por seu amigo Porthos, ele planejou a substituição de Luís XIV por Filipe, seu irmão gêmeo. Entretanto, Fouquet, súdito leal ao rei, e D Artagnan, capitão dos mosqueteiros, impediram o sucesso do plano.


Consulte o nosso catálogo online para saber em quais bibliotecas estes títulos estão disponíveis

Veja também a lista das bibliotecas pelas regiões de São Paulo.