Logo - Cultura

PATRONO DA BIBLIOTECA RAUL BOPP

“Neste silêncio de águas assustadas parece que ainda ouço um soluço quebrando-se na noite”

Raul Bopp nasceu em 4 de agosto de 1898 na cidade de Santa Maria, no Rio Grande do Sul. Cursou direito em diversas capitais do país entre 1918 e 1925, em Porto Alegre, Recife, Belém e Rio de Janeiro, frequentando cada ano letivo em uma capital. Trabalhou como jornalista e vendedor em uma livraria em Buenos Aires, cidade na qual também exerceu o cargo de Secretário do Conselho Federal do Comércio Exterior. Viajou o mundo, percorrendo florestas na África, Ásia e América. Fez carreira diplomática, tendo servido em Kobe, Los Angeles, Zurique, Barcelona, Lisboa e Guatemala.

Cobra Norato


Foi um dos mais ativos participantes da Semana de Arte Moderna de 1922 em São Paulo. Engajou-se no movimento verde-amarelista, porém, posteriormente fundou com Oswald de Andrade e Tarsila do Amaral o movimento Antropofágico, rival do verde-amarelismo.

Em 1931 lançou Cobra Norato, seu primeiro livro de poesia e um dos mais importantes do Modernismo.

Faleceu em 2 de junho de 1984 no Rio de Janeiro, prestes a completar 86 anos.

Dentre suas obras mais importantes estão: Movimentos modernistas no Brasil (1922-1928); Cobra Norato (1931); Urucungo (1932); Poesias (1947); Mironga e Outros Poemas (1978).



Fonte: Educação Uol
http://educacao.uol.com.br/biografias/raul-bopp.jhtm



Raul Bopp

logo SMB