Share

BIOGRAFIA DO PATRONO CASSIANO RICARDO

patrono

Cassiano Ricardo Leite nasceu em 26 de julho de 1895, em São José dos Campos, São Paulo. Aos 16 anos publicou seu primeiro livro de poesias, Dentro da noite. Mudou-se para a capital para cursar a faculdade de Direito, mas concluiu o curso no Rio de Janeiro. Voltou para São Paulo, onde se engajou no movimento de reforma literária iniciado na Semana de Arte Moderna de 1922, do qual foi um dos líderes. Participou dos grupos Verde e Amarelo e Anta, com Plínio Salgado, Menotti del Picchia, Raul Bopp, entre outros.

Na década de 30, junto com Menotti del Picchia e Cândido Mota Filho, fundou o movimento político Bandeira, em oposição ao Integralismo.

Como jornalista e redator, trabalhou nos jornais Correio Paulistano, A Manhã e fundou as revistas Novíssima, dedicada ao movimento modernista, Planalto e Invenção. Sua poesia era caracterizada por um lirismo sentimental de cunho nacionalista, mas suas obras pós-anos 40 adotaram uma postura lírica, introspectiva e filosófica. Além de jornalista e poeta, foi um grande ensaísta. Publicou obras sobre os movimentos dos bandeirantes, sobre diversos autores e também sobre a própria literatura.

Cassiano Ricardo pertenceu ao Conselho Federal de Cultura, à Academia Paulista de Letras e à Academia Brasileira de Letras. Recebeu diversos prêmios por sua produção literária. Faleceu em 14 de janeiro de 1974.

Dentre suas obras de maior destaque, estão: A flauta de Pã, Vamos caçar papagaios, Martim Cererê, Um dia depois do outro, O arranha-céu de vidro, Poesias completas.

patrono




logo SMB

música